Caio Júnior prega humildade no Vitória depois de “chamar a atenção do Brasil”

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico aproveitou repercussão da goleada sobre o Bahia para valorizar feitos da carreira

Divulgação
Caio Júnior aprovou atuação do Vitória

O técnico Caio Júnior usou outros sucessos de sua carreira para enaltecer ainda mais a goleada do Vitória por 5 a 1 sobre o Bahia, no domingo, no clássico inaugural da Arena Fonte Nova. Enquanto o seu colega Jorginho anunciava o desligamento do rival, o comandante do Vitória já vislumbrava uma grande repercussão nacional com o feito alcançado no Ba-Vi.

Clima quente e passeio do Vitória marcam Ba-Vi de inauguração da Fonte

"Atingimos uma situação de chamar a atenção do Brasil, então devemos continuar com o mesmo espírito de humildade. O trabalho continuará sendo feito com muitas dificuldades", declarou Caio Júnior, aproveitando a goleada no clássico para rebater os críticos do Vitória.

"Falavam que a bola parada era o nosso defeito, mas já estávamos há três jogos sem tomar gols assim. Só ficaram lembrando porque aconteceu contra o Ceará. Devemos enaltecer a humildade dos nossos jogadores. Não ganhamos nada ainda. Apenas fizemos uma história na Fonte Nova", discursou.

Jogadores do Vitória comemoraram a goleada junto aos torcedores do time. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoVander, formado nas categorias de base do Bahia, fez o quarto gol do Vitória na goleada. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoVitória fez 5 a 1 e fez tornou a inauguração da Arena Fonte Nova inesquecível para seus torcedores. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Vitória fez a festa para a goleada sobre o maior rival. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedora do Bahia terá poucas boas lembranças da reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoEstádio praticamente lotado para o primeiro jogo na Arena Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoProfissionais de imprensa acompanham o Ba-Vi das tribunas de rádio. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoRenato Cajá, de pênalti, marcou o primeiro gol da Arena Fonte Nova. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaTorcida do Vitória comemorou os três primeiros gols da Arena Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoAdriano Michael Jackson por pouco não abriu o placar antes dos 10 minutos do primeiro tempo. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoLance de Bahia e Vitória. Renato Cajá, do time rubro-negro, de pênalti, marcou o primeiro gol do novo estádio.. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoPrimeiro toque no Bahia e Vitória que marcou a inauguração da Arena Fonte Nova. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaTimes de Bahia e Vitória perfilados antes do hino nacional. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaClaudia Leitte e Ivete Sangalo animam a cerimônia de reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcidas de Bahia e Vitória esgotaram os 40 mil ingressos disponíveis para a partida deste domingo. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Bahia se animou antes do Ba-Vi . Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Vitória levou o "Leão", o mascote do clube para a Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoSósia de Bel Marques, do Chiclete com Banana, na torcida do Bahia. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaTorcedora do Vitória na Fonte Nova. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaIvete Sangalo cantou para a torcida do seu Vitória antes do Ba-Vi. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoClaudia Leitte mostrou todo seu amor pelo Bahia antes do jogo contra o Vtiória. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoIvete Sangalo, Claudia Leitte e Margareth Menezes. Foto: Facebook/Arena Fonte NovaClaudia Leitte e Margareth Menezes na festa de abertura da FOnte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Bahia será maioria no Ba-Vi. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoClaudia Leitte e Ivete Sangalo animaram a festa antes da partida. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoCantora Margareth Menezes também animou o público da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoAtor Fábio Lago também fez parte da ceriônia de reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoGaroto Arthur Nascimento,  de 13 anos, de muletas, foi homenageado antes do jogo e deu o pontapé inicial do clássico. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedores de Vitória e Bahia unidos antes da partida. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Bahia, mandante da partida, será maioria no clássico contra o Vitória. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoArena Fonte Nova terá capacidade para 50 mil torcedores sentados. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoChegada dos torcedores do Vitória. Placas em inglês foram corrigidas. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoChegada dos torcedores do Vitória ao estádio da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedores do Vitória chegam ao estádio para o clássico contra o Bahia. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedor do Bahia se preparou para sair bem na foto na reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedoras do Bahia, Margareth Menezes e Claudia Leitte farão parte da festa que marca a reinauguração da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoClaudia Leitte posa para foto antes de subir ao palco na cerimônia de abertura da Fonte Nova. O Olodum também esteve presente. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoGovernador Jacques Wagner, discursa antes da partida entre Bahia e Vitória. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoEx-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, foi um dos convidados na reabertura da FOnte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoEmpresário Roberto Justus também foi um dos convidados da festa. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoCamarote tem visão privilegiada para o gramado. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoUm dos camarotes da Arena Fonte Nova . Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoFonte Nova tem sistema eletrônico nas bilheterias e nas catracas de entrada. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTodos torcedores da Fonte Nova terão lugar marcado para assistir ao jogo. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoOrientadores da torcida recebem instruções antes da chegada de torcedores de Bahia e Vitória. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcedora chega ao estádio e é recebida por um orientador treinado. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoFuncionários da Fonte Nova se preparam para receber os primeiros torcedores. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoEnsaio para a festa de reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoEnsaio para a festa de reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoTorcida do Bahia chega para o clássico contra o Vitória na reabertura da Fonte Nova. Foto: Ag. BAPRESS / DivulgaçãoFita gigante do Senhor do Bonfim, marca de Salvador, "abraçou" a Arena Fonte Nova. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaFita do Bonfim se abre na entrada da Fonte Nova. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaPlacas com tradução em inglês foram ajustadas na véspera da primeira partida oficial na Fonte Nova. Bahia e Vitória se enfrentam neste domingo. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaOlodum participou de um dos eventos que marcam a reabertura da Fonte Nova. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaArena Fonte Nova tem capacidade para 50 mil pessoas. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaVista da Arena Fonte Nova do alto. Toda a arquibancada é coberta. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaVista do campo com destaque para o banco de reservas da Fonte Nova. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaTime do Vitória conheceu a Arena Fonte Nova. Foto: Divulgação/Flickr Fonte NovaDilma Rousseff e o governador da Bahia, Jacques Wagner, no pontapé inicial da nova Fonte Nove. Foto: Edson Ruiz/Gazeta PressFonte Nova. Foto: DivulgaçãoArena Fonte Nova já tem gramado plantado, cadeiras instaladas e inauguração prevista para 7 de abril. Foto: BA PressObras dos estádios brasileiros da Copa 2014, em fevereiro. Foto: DivulgaçãoObras dos estádios brasileiros da Copa 2014, em fevereiro. Foto: DivulgaçãoObras na Arena Fonte Nova, no mês de dezembro de 2012, em Salvador (BA). Foto: Divulgação/Ministério do EsporteInspeção na Fonte Nova. Foto: Governo da BahiaObras na Arena Fonte Nova, no mês de dezembro de 2012, em Salvador (BA). Foto: Divulgação/Ministério do EsporteObras na Arena Fonte Nova, no mês de dezembro de 2012, em Salvador (BA). Foto: Divulgação/Ministério do EsportePolícia Militar tenta conter torcedores do Bahia durante venda de ingressos para clássico com o Vitória. Foto: Margarida Neide/Ag. A Tarde/Futura PressCobertura da Fonte Nova já está concluída. Entre os estádios que não estão prontos, é que apresenta mais avanços. Foto: BA PressFoto de como ficará a fachada da Itaipava Arena Fonte Nova. Foto: Divulgação

Apesar de pregar humildade repetitivamente, o treinador não conseguiu cativar todos os seus comandados a seguirem o raciocínio. Muitos deles não conseguiram conter a empolgação com o resultado alcançado diante do Bahia. O zagueiro Gabriel Paulista, por exemplo, disse ter se sentido como na Páscoa por causa do "chocolate" aplicado no Ba-Vi.

Mesmo com a boa atuação, no entanto, o elenco do Vitória ouvirá algumas broncas de Caio Júnior. "Ocorreram erros no nosso jogo. Precisamos corrigir essas coisas. Vou passar o vídeo para eles e mostrar os nossos defeitos na partida. Nossos jogadores, felizmente, acreditam no meu trabalho. Quando eles aceitam as correções, existe evolução", bradou, voltando a ser prudente.

"Ficamos na história do futebol baiano e da Fonte Nova, ganhando de uma forma marcante, mas ponto final. Não foi um jogo decisivo", disse Caio Júnior - apesar de ele próprio, no fundo, ter dificuldades para controlar o entusiasmo. "O grande objetivo do Vitória é o título baiano. Já participei de outros jogos memoráveis como o que fizemos contra o Bahia. Quem acompanhou o meu trabalho no Botafogo vai lembrar que já fomos uma sensação. O que está acontecendo é a repetição de um trabalho."

Leia tudo sobre: Caio JúniorVitóriaFonte NovaBa-Vi

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas