Gilson Kleina priorizou partida decisiva diante do Libertad, pela Libertadores e vai escalar os reservas na Paulistão

O ânimo da convincente vitória sobre o Tigre será testado no Palmeiras por um time cheio de reservas. E em uma das tarefas mais complicadas diante do Campeonato Paulista. Quem não for poupado por Gilson Kleina terá a missão de jogar às 18h30 (de Brasília) deste domingo, em Campinas, diante da Ponte Preta, único time invicto do torneio.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Charles comemora seu gol com o técnico Gilson Kleina
Paulo Whitaker/Reuters
Charles comemora seu gol com o técnico Gilson Kleina

Mesmo priorizando o jogo de quinta-feira, contra o Libertad, que pode até antecipar a sua classificação para as oitavas de final da Libertadores, o Verdão entra em campo neste fim de semana em busca de três pontos que já o garante nas quartas de final do Estadual. "E a classificação no Campeonato Paulista é o nosso principal objetivo neste início de temporada", disse o técnico.

Mas ainda faltam três rodadas para o time confirmar sua vaga na próxima fase do Paulista. Por isso, nomes como Mauricio Ramos e Márcio Araújo nem vão para Campinas, enquanto Henrique, Valdivia, Wesley, Kleber e Maikon Leite ficam em São Paulo tratando de suas contusões. Os poucos titulares que devem entrar são Juninho e Souza.

Marcelo Oliveira, volante de origem que atua constantemente como lateral esquerdo, não jogará porque é a única opção na zaga caso Henrique não se recupere a tempo de jogar na quinta-feira - e Marcos Vinicius e Luiz Gustavo não inspiram confiança.

As dificuldades não se limitam a contusões. Léo Gago, que não pode jogar na Libertadores, está suspenso por ter recebido três cartões amarelos e Leandro, outro vetado no torneio continental, é dúvida porque volta da Bolívia na madrugada anterior ao jogo - foi convocado para a Seleção Brasileira.A Gilson Kleina, resta se aproveitar da confiança gerada pela atuação de terça-feira. "Quem entrar, sabe que vai precisar de comprometimento e vontade vencer. Tem que contagiar. Não podemos fugir do que fizemos, precisamos de uma intensidade de jogo muito parecida. Sempre pregamos: pode até estar mal tecnicamente no jogo, mas deixar de correr jamais", discursou o técnico.

O comandante valoriza o duelo em Campinas, mesmo poupando seus principais nomes. "O jogo contra a Ponte é dificílimo. Vamos pegar uma equipe invicta, que tem uma das defesas menos vazadas, um dos melhores ataque, o artilheiro do campeonato, com uma consistência muito forte. Precisamos de foco lá", cobrou.

E a Macaca, melhor defesa do Paulista com 11 gols em 16 jogos, entra com força máxima, incluindo William, maior goleador do torneio 11 gols, sem nenhum problema de suspensão ou contusão. As novidades do técnico Guto Ferreira são o goleiro Edson Bastos voltando de suspensão no lugar de Roberto e o lateral esquerdo Uendel retomando a posição na vaga de Renan após 20 dias em recuperação de lesão no púbis.

A Ponte Preta, além de invicta, cobiça tanto a liderança do Estadual que estreou na Copa do Brasil só com reserva diante do Itabaiana - venceu por 3 a 0 no Sergipe. "Nosso primeiro objetivo é classificar ali entre os quatro no Paulista, pois já conquistamos o objetivo de classificar entre os oito e nossa equipe está evoluindo no campeonato. Então temos que manter o foco e conquistar mais este objetivo", discursou Cicinho. FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X PALMEIRAS

Local: estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 7 de abril de 2013, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho (SP)
Assistentes: Rogerio Pablos Zanardo e João Edilson de Andrade (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Vinicius Furlan e Philippe Lombard (ambos de SP)

PONTE PRETA: Edson Bastos; Artur, Cléber, Ferrón e Uendel; Baraka, Bruno Silva, Cicinho e Cachito Ramírez; Chiquinho e William
Técnico: Guto Ferreira

PALMEIRAS: Fernando Prass; Ayrton (Weldinho), André Luiz, Vilson e Juninho; Wendel (Charles), João Denoni, Souza, Tiago Real; Ronny e Emerson (Leandro)
Técnico: Gilson Kleina

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.