Cerâmica faz gol contra, Grêmio vence por 1 a 0 e assume ponta do grupo A

Por iG Porto Alegre | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Na Arena, e com titulares, time de Luxemburgo teve dificuldade para vencer lanterna do grupo

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Kleber em lance da partida contra o Cerâmica

O Grêmio contou com um gol contra do Cerâmica e venceu a partida do sábado à noite do Campeonato Gaúcho por 1 a 0 na Arena. O resultado dá a liderança provisório do Grupo A da Taça Farroupilha ao time de Vanderlei Luxemburgo, preocupado com o confronto contra o Fluminense pela Libertadores, quarta-feira, também em Porto Alegre.

Deixe seu comentário para esta partida

O gol do jogo foi contra, anotado por Alexandre, do Cerâmica, mas o árbitro Francisco Neto acabou assinalando o gol para o volante Fernando. No lance do gol único da partida, aos 24 minutos do primeiro tempo, o volante gremista cobrou falta para a área e o zagueiro Cerâmica desviou para o gol da sua equipe.

O Grêmio chega agora a 13 pontos, dois acima de Passo Fundo e Novo Hamburgo. O Passo Fundo joga neste domingo contra o Pelotas, fora de casa, e pode retomar a liderança do grupo A, que está na sua penúltima rodada. O Grêmio já está classificado para as quartas de final.

O jogo
Com uma concentração impressionante, o Cerâmica veio à Arena não apenas para se defender, mas tentando buscar um gol que lhe tirasse da zona perigosa da tabela. Nos primeiros minutos, embora sem criar chances claras, foi o time de Gravataí que tomou a iniciativa. O Grêmio tinha dificuldades: chegara apenas duas vezes, em cabeceio de Barcos, aos 16, e em um chute de longe de Marco Antônio, aos 22.

Aos 24, veio o gol: Fernando cobrou falta desde a intermediária buscando Cris, mas o zagueiro Alexandre desviou de cabeça e encobriu o goleiro Villa: 1 a 0. Apesar disso, a arbitragem deu o gol para Fernando. Animado, o time de Luxa quase ampliou aos 26: Vargas apanhou sobra após cobrança de escanteio e soltou uma bomba, raspando o travessão. Aos 31, Barcos chutou da entrada da área e Villa fez boa defesa.

No segundo tempo, o Cerâmica arriscou um pouco mais, proporcionando alguns espaços de que o Grêmio não dispunha na etapa inicial. No entanto, o Tricolor, já pensando no jogo de quarta, pela Libertadores, diminuiu o ritmo e pressionou menos. A primeira chegada veio num chute perigoso de longe de Eduardo Vargas.

O primeiro chute a gol do time de Gravataí veio aos 17 da etapa final, com Soares, defendido com tranquilidade por Dida. O Grêmio respondeu no minuto seguinte, em chute longo de Marco Antônio que parou em Villa. Aos 22, uma grande chance: em falta batida desde a intermediária, Fábio Aurélio buscou o ângulo, o goleiro deu um tapinha e a bola bateu no travessão.

Depois de minutos de marasmo, o Grêmio passou a pressionar no fim. Aos 36, Pará lançou Guilherme Biteco na área e o meia chutou para ótima espalmada de Villa. Aos 47, Fernando mandou uma bomba espalmada por Villa, na última chance gremista. O destaque, no fim, foi o fato de o lateral Fábio Aurélio ter suportado os 90 minutos sem qualquer problema em termos de ritmo ou dores.

Ainda neste sábado, Lajeadense e Novo Hamburgo ficaram no 1 a 1 em Lajeado. Em outro jogo do Grupo A, o Cruzeiro-RS perdeu em casa para o Caxias, 1 a 0, e fica em situação delicada quanto ao rebaixamento. Pelo Grupo B, o Juventude decepcionou, cedendo empate para o quase rebaixado Canoas nos descontos: 2 a 2.

FICHA TÉCNICA - GRÊMIO 1 x 0 CERÂMICA

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: 6 de abril de 2013, sábado
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Francisco Silva Neto
Assistentes: Vilmar Burini e Antônio César Domingues Padilha
Público: 11.496 pagantes
Renda: R$ 290.739,00 Cartão amarelo: Souza e Welliton (Grêmio); Rodrigo (Cerâmica)
Gol: GRÊMIO: Fernando, aos 24 minutos do primeiro tempo

GRÊMIO: Dida; Pará, Cris, Werley e Fábio Aurélio; Fernando, Souza, Marco Antônio (Guilherme Biteco) e Zé Roberto; Vargas (Welliton) e Barcos (Kleber). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

CERÂMICA: Villa; Saraiva, Alexandre, Rodrigo e Pedro; Zaquel, Róbson, Serginho Catarinense (Cristian) e Danilo; Cidinho (Murilo) e Soares (Paraíba). Técnico: Luís Eduardo


Leia tudo sobre: grêmiocerâmicagaúcho 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas