Valdivia deve atuar contra Libertad, mas só estará em metade dos jogos de abril

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Programação especial tenta evita o desfalque do camisa 10 nos próximos jogos importantes

Marcello Zambrana/Gazeta Press
Valdivia realizou treino físico nos gramados na Academia nesta quinta-feira

Dos cinco machucados do elenco do Palmeiras com chances de enfrentar o Libertad, na quinta-feira, Valdiva é o mais provável a entrar em campo. Mas já dentro de uma programação especial que Gilson Kleina promete seguir à risca para evitar novos desfalques do camisa 10: o chileno só atuará em metade dos jogos do time no mês.

Kleina poupa Marcelo Oliveira e Valdivia é único machucado em campo

"O Palmeiras faz de seis a oito jogos por mês, e o Valdivia só vai jogar em três ou quatro. É mais importante usá-lo em 50% dos jogos do que não usá-lo. Salvo raras exceções, ele não joga de quarta-feira e domingo", já avisou o treinador, que viu o meia machucar a coxa direita exatamente por atuar em cinco jogos seguidos.

"Não significa que o Valdivia vai poder escolher quando jogar, mas vamos deixá-lo para os grandes jogos preservando ele e a instituição, já que é um jogador importante. Com o Valdivia, é necessária uma administração especial, e temos que colocar definitivamente isso na cabeça dele e de todos nós. Não podemos deixar de lado a qualidade dele", disse o técnico, que no domingo completará sete partidas sem o chileno.

Valdivia comemora gol do Palmeiras sobre o São Paulo no clássico do Pacaembu. Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/DivulgaçãoValdivia em ação pelo Palmeiras no clássico. Foto: Leandro Martins/Futura PressMendieta, Valdivia e Wesley correm em volta do campo da Academia de Futebol. Foto: Edno Luan / Futura PressValdivia deixou sua marca pelo Palmeiras. Foto: Helio Suenaga/Gazeta PressValdivia atuou em parte do duelo entre Palmeiras e Penapolense pelo Paulistão. Foto: Marcello Zambrana/Inovafoto/Gazeta PressValdivia comemora gol do Palmeiras sobre o Avaí. Foto: Antonio C. Mafalda/Mafalda Press/Futura PressO meia Valdivia. Foto: Divulgação/PalmeirasValvidia encara a marcação do ASA no Pacaembu. Foto: Luís Moura/Gazeta PressMeia Valdivia tenta passar pela marcação de João Marcos, do Ceará. Foto: Futura Press/L.C. MoreiraO meia chileno Valdivia comemora com seus companheiros um dos gols marcados no rachão desta sexta-feira. Foto: Gazeta Press/Marcelo ZambranaValdivia presenteia torcedor após o treino. Foto: FERNANDO DANTAS / Gazeta PressValdivia comemora seu gol, o segundo diante do Bragantino. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressValdivia teve grande atuação diante do Icasa. Foto: Marcello Zambrana/Inovafoto/Gazeta PressValdivia deu assistência para o gol de Barcos na Vila Capanema. Foto: AEValdivia em lance do jogo. Foto: AEValdivia poderá enfrentar o Sport, nesta quarta-feira. Foto: AEValdivia tenta escapar com a bola no primeiro tempo. Foto: AEValdivia. Foto: AEValdivia. Foto: Francisco De LaurentiisValdivia ficou abalado pelo fato do criminoso, com estupro na ficha criminal, ter abusado de sua mulher. Foto: Francisco De LaurentiisValdivia. Foto: Francisco De LaurentiisValdivia fez atividades ao lado dos reservas. Foto: Gazeta PressValdivia foi relacionado por Felipão para o duelo decisivo contra o Grêmio, nesta quinta. Foto: Futura PressValdivia foi o herói do Palmeiras nesta quinta. Foto: Gazeta PressValdivia dá encarada: chileno saiu do banco para decidir o jogo para o Palmeiras. Foto: Agência O GloboFelipão comemora com Valdivia: treinador chega à sua 1ª final em sua 2ª passagem pelo Palmeiras. Foto: Futura PressValdivia (esq) e Barcos comemoram a classificação com a torcida do Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia fica no chão reclamando de falta . Foto: Gazeta PressValdivia celebra o gol de pênalti homenageando o atacante Barcos. Foto: Futura PressJogadores do Palmeiras comemoram o gol de Valdivia. Foto: Gazeta PressAusentes em Curitiba, Barcos e Valdivia comemoraram muito a conquista da Copa do Brasil. Foto: Futura PressValdivia tenta se livrar da marcação de Casemiro. Foto: VipcommValdivia deve jogar contra o Náutico no domingo. Foto: Gazeta PressMazinho (centro) é cumprimentado por Obina e Valdivia após marcar o segundo do Palmeiras no triunfo sobre o Náutico. Foto: Futura PressValdivia ainda não definiu se fica no Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia: fica no Palmeiras ou vai para o Catar?. Foto: Gazeta PressFelipão e Valdivia. Foto: Gazeta PressValdivia vai desfalcar o Palmeiras mais uma vez. Foto: Gazeta PressTirone não quer ver Valdivia em outro time brasileiro. Foto: Gazeta PressValdivia ainda não tem condições de jogar. Foto: Gazeta PressValdivia volta de contusão ao time do Palmeiras. Foto: Gazeta PressO meia Valdivia foi xingado após o jogo por vestir a camisa do Flamengo. Foto: Gazeta PressValdivia atuou pelo Palmeiras no clássico contra o Santos na noite de sábado no Brasileirão. Foto: Gazeta PressValdivia protege a bola de Tobi. Foto: Futura PressValdivia sofre falta no primeiro tempo. Foto: Futura PressGuilherme disputa bola com Valdivia. Foto: Futura PressValdivia tenta sair da marcação do volante Nilton em São Januário. Foto: Futura PressNarciso, técnico interino do Palmeiras, conversa com o meia Valdívia durante o treino. Foto: Gazeta PressValdivia dá carrinho em Paulinho no meio-campo. Foto: Gazeta PressValdivia deita no chão e não esconde frustração com mais uma derrota do Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia conta com a confiança de Gilson Kleina. Foto: Gazeta PressValdivia, meia do Palmeiras. Foto: Gazeta PressPaulo Miranda e Valdivia disputam bola no primeiro tempo do clássico. Foto: VipcommValdivia sentiu dores e precisou abandonar o clássico contra o São Paulo. Foto: Gazeta PressValdivia, meia do Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia entre os marcadores do Paulista. Sósia do chileno marcou dois gols na vitória do Inter na Copinha. Foto: Gazeta PressValdivia se exercita em clínica de Santiago no Chile. Foto: Reprodução www.meds.clValdivia se exercita em clínica de Santiato. Foto: Reprodução www.meds.clValdivia voltou a treinar no Palmeiras nesta segunda-feira. Foto: Gazeta PressValdivia se machuca no treino do Palmeiras. Foto: Leandro Martins/Futura PressValdivia se machuca no treino do Palmeiras. Foto: Leandro Martins/Futura PressValdivia se machuca no treino do Palmeiras. Foto: Leandro Martins/Futura PressValdivia se machuca no treino do Palmeiras. Foto: Leandro Martins/Futura PressValdivia se machuca no treino do Palmeiras. Foto: Leandro Martins/Futura PressValdivia tenta passar pela marcação da Penapolense. Foto: Gazeta PressValdivia comemora com Vinicius gol do Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia em ação no treino desta quarta no Palmeiras. Foto: Gazeta PressValdivia tenta o drible, mas é desarmado por Martin Galmarini do Tigre . Foto: Victor R. Caivano/APValdivia teve boa atuação no clássico contra o São Paulo, apesar de empate por 0 a 0. Foto: Gazeta PressMark González, Valdivia e Paulo Nobre, presidente do Palmeiras. Foto: Cesar Greco/Ag PalmeirasPalmeiras x Paulista. Foto: Miguel Schincariol/Gazeta PressValdivia realizou treino físico nos gramados na Academia nesta quinta-feira. Foto: Marcello Zambrana/Gazeta Press

Kleina avisa que só poderá saber se contará com Valdivia contra o Libertad na segunda-feira, mas o jogador já tem a lesão cicatrizada e treinará por dois períodos no fim de semana. "É um jogador com qualidade espetacular. Contar com o Valdivia seria de fundamental importância", animou-se.

Henrique e Wesley também podem ser liberados para enfrentar os paraguaios. Assim, compensam os desfalques de Kleina, que não poderá escalar Kleber, Maikon Leite, Patrick Vieira, Leandro Amaro e Edilson, por lesão, Vilson, suspenso, e André Luiz, Léo Gago, Rondinelly e Leandro, que não estão inscritos na Libertadores.

Leia tudo sobre: valdiviapalmeiraslibertadlibertadores 2013paulistão 2013igsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas