Emerson constata volta da boa fase no Corinthians: "Voltei a sorrir"

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Atacante voltou a ser titular na equipe de Tite e acredita que o Corinthians está retomando o estilo de jogo do ano passado

A vitória sobre o Millonarios valeu mais do que os três pontos e a liderança do Grupo 5 ao Corinthians. Para o atacante Emerson, o jogo em Bogotá serviu para o Timão recuperar seu estilo competitivo apresentado na inédita conquista da Copa Libertadores do ano passado.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

John Vizcaino/Reuters
Emerson tenta se livrar da marcação de Alex Diaz

"Foi um jogo que trouxe o gostinho do que realmente é a Libertadores. Contra um adversário competitivo e em um jogo difícil, nossa equipe se portou bem, com todo o trabalho físico, mental e tático. Todo mundo está realmente de parabéns, porque o resultado foi muito bom", afirmou o atleta, no desembarque em São Paulo.

Leia mais: Com pena, Emerson ironiza situação do São Paulo: "Nós passamos"

Contra um adversário complicado, na noite de quarta-feira, a equipe de Tite soube suportar os momentos de perigo e respondeu com um gol de Danilo, que foi suficiente para assegurar o resultado positivo, por 1 a 0."O Corinthians conquistou um título dessa maneira, talvez esse jogo tenha sido importante para nos fazer lembrar da Libertadores do ano passado", acrescentou o atacante, que foi o herói da conquista continental.

Depois de ter atravessado uma turbulência neste início de temporada, quando teve problemas dentro e fora de campo, Emerson explica que sua fase individual também melhorou com a evolução da equipe.

"Há 30 dias, eu estava meio ‘caidão’ e triste, porque algumas coisas não estavam sendo bacanas, mas voltei a sorrir e estou feliz", completou o atleta, em referência à época em que perdeu espaço no elenco por ter chegado dois dias seguidos atrasado.

Longe do Corinthians, em fevereiro, o atacante também teve dor de cabeça com a denúncia de contrabando feita pelo Ministério Público Federal do Rio de Janeiro. Na época, o jogador negou qualquer irregularidade.

Leia tudo sobre: corinthiansemerson sheikigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas