Málaga e Borussia começam a disputa por uma vaga nas semis da Liga

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Espanhóis querem manter estilo de jogo que levou equipe até as quartas de final, enquanto alemães sofrem com possíveis desfalques

Se depender do retrospecto, o Borussia Dortmund entra na briga por uma vaga na semifinal da Liga dos Campeões, contra o Málaga, como favorito. Na única vez em que chegaram às quartas de final da competição, na temporada 1996-97, os alemães conquistaram o título mais cobiçado da Europa. O primeiro jogo desta disputa será nesta quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), na Espanha.

Real Madrid busca impor tradição contra Galatasaray cheio de estrelas

Pelo lado do Borussia, o treinador Jürgen Klopp tem três dúvidas para escalar o time que vai a campo. O goleiro Weidenfeller, o lateral esquerdo Schmelzer e o meia e capitão da equipe, Jakub Blaszczykowski, são dúvidas para o jogo.

Miguel Angel Morenatti/AP
O volante Julio Baptista, no centro da imagem, é um dos brasileiros do Málaga

"Eu estou bem, mas eu não sei como meu nariz vai reagir a eventuais choques. Só posso dizer alguma coisa depois do último treinamento", disse Schmelzer, que está com o nariz quebrado. O jogador não perdeu sequer um minuto dos jogos do Borussia na atual edição da Champions.

Como medida de precaução, a comissão técnica decidiu levar para Málaga o terceiro goleiro da equipe, Zlatan Alomerovic. Gripado, o titular Weidenfeller pode dar lugar a Mitch Langerak.

Para o diretor esportivo do Borussia, Michael Zorc, a missão de chegar à semifinal da Liga dos Campeões está longe de ser fácil. Jogando em casa, o Málaga ainda não perdeu. Em quatro jogos, foram três vitórias e um empate.“Todo mundo espera que a gente passe. Aí mora o perigo. Não vai ser fácil, porque os jogadores do Málaga querem usar a Champions League para mostrar seu talento”, disse o dirigente, referindo-se aos problemas financeiros que a equipe espanhola enfrenta.

O Málaga, dos brasileiros Weliton, Lucas Piazon e Julio Baptista, prega a manutenção do estilo de jogo adotado até aqui para superar o Borussia. O chileno Manuel Pellegrini, treinador dos espanhóis, diz que não vai mudar a postura tática da sua equipe.

“É importante que a gente jogue uma partida bem equilibrada. Nós não vamos mudar nosso estilo de jogo nas quartas de final. Nós estamos focados em impor nosso jogo, em impedir ao máximo que o Borussia crie chances”, declarou Pellegrini.

A chegada do Málaga às quartas de final da Liga dos Campeões logo na primeira participação da equipe na competição continental já é considerada um grande feito pelos jogadores. O brasileiro Weligton, zagueiro e capitão do time da Andaluzia, diz estar “vivendo um sonho”.

“Para todos os torcedores do mundo, para a cidade e os nossos torcedores, nós estamos realmente vivendo um sonho. Mesmo tendo jogadores excepcionais e um treinador com muita experiência nesta competição, nós estamos fazendo com que esse sonho continue sendo uma realidade”, disse Weligton.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas