O Cruzeiro venceu o Villa Nova por 4 a 2, em um jogo bastante movimentado, neste sábado, no estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima

O Cruzeiro teve problemas, mas conseguiu superá-los e venceu o Villa Nova por 4 a 2, em um jogo bastante movimentado, neste sábado, no estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima. Após a partida, a opinião dos jogadores mostrou unanimidade em relação às dificuldades do jogo. O volante Nilton destacou a garra e a vontade mostrada pela Raposa para conquistar a vitória.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Mais uma vez demonstrando a garra e a vontade que o Cruzeiro vem mostrando em todos os jogos. O grupo está de parabéns pelo espírito de luta e pela marcação que fez aqui. Sabíamos que seria difícil. No começo foi um jogo truncado, e a equipe conseguiu sobressair sobre a marcação. Está todo mundo de parabéns, principalmente o pessoal do banco", declarou.

O meia-atacante Ricardo Goulart saiu do banco de reservas para decidir a partida a favor do Cruzeiro. O jogador não esconde a alegria por ter ajudado a equipe em um duelo considerado complicado. "O grupo lutou bastante em um campo difícil e está todo mundo de parabéns pela luta para superar as dificuldades", elogiou.

Leia mais: Cruzeiro vence Villa Nova e agora é o único invicto do Mineiro

Ricardo Goulart também falou sobre os dois gols que marcou e que deram tranquilidade para o Cruzeiro vencer a partida. "O objetivo, quando entro em campo, é sempre fazer o gol. Estava com pensamento positivo no banco de entrar e ajudar a decidir. Vou continuar trabalhando a semana inteira para o clássico", garantiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.