Poupado do compromisso desta quarta-feira, contra o Itabaiana, o volante também desejou sorte aos companheiros que buscarão a classificação já na estreia da Copa do Brasil

O empate por 2 a 2 com o XV de Piracicaba, no último sábado, não abalou a confiança da Ponte Preta. O time está classificado para a próxima fase do Campeonato Paulista e planeja manter o espírito de luta para conquistar resultados ainda mais expressivos nesta temporada. De acordo com o volante Baraka, a vibração transmitida pela torcida é o ingrediente que o time precisa para alcançar o inédito título estadual.

"Fomos atrás do resultado e lutamos o tempo inteiro. Isso é Ponte Preta. A torcida merece essa nossa doação e estamos fazendo de tudo para buscar o titulo para eles", declarou o jogador, que também procurou minimizar a falta de atenção que rendeu o empate ao Nhô Quim. O time alvinegro saiu atrás no placar, conseguiu a virada, mas, em um lance decisivo na partida, deixou o triunfo escapar.

"Nós sabíamos que seria complicado. A equipe deles é forte e fomos para Piracicaba com o intuito de somar pontos. A vitória não veio, mas conseguimos um ponto que vai ser muito importante na classificação", emendou Baraka.

Poupado do compromisso desta quarta-feira, contra o Itabaiana, o volante também desejou sorte aos companheiros que buscarão a classificação já na estreia da Copa do Brasil. O técnico Guto Ferreira optou por preservar o condicionamento de seus titulares e não escalará força máxima nesta partida. Com os reservas, o time buscará uma vantagem de dois gols de diferença para eliminar o jogo de volta e seguir adiante na competição.

"Aqui nós somos um família, não tem nem como explicar. Vamos estar na torcida pelos companheiros na Copa do Brasil e aproveitar a semana para descansar e treinar pensando na vitória contra o Palmeiras no próximo domingo", encerrou o atleta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.