Meia-atacante que veio do Náutico já perdeu duas penalidades desde que chegou ao Fluminense

Rhayner em ação pelo Fluminense
Rossana Fraga/Photocamera
Rhayner em ação pelo Fluminense

Após perder um pênalti na vitória do Fluminense sobre o Volta Redonda em fevereiro, Rhayner perdeu uma nova oportunidade da marca da cal para encerrar seu jejum de gols na vitória por 3 a 1 sobre o Macaé nesta quarta-feira. O meia explicou que foi incentivado pelos companheiros e que se sentiu confiante.

Em noite de Michael, Fluminense vence o Macaé e se recupera na Taça Rio

"A equipe estava ganhando e me incentivaram, me falaram para bater o pênalti. O Rafael Sobis me deu a bola e disse que eu estava merecendo, jogando bem. Fui confiante para a batida, mas a bola acabou subindo muito", declarou o atleta.

O jogador ressaltou o fato da equipe ter vencido mesmo sem o quarto gol. "A equipe venceu, não tem motivo para me decepcionar com o lance do pênalti. O importante é ajudar o Fluminense a vencer e a equipe conseguiu isso", afirmou Rhayner.

O Tricolor das Laranjeiras soma sete pontos na liderança do Grupo B da Taça Rio. No sábado, às 16 horas (de Brasília), a equipe recebe o Boavista no Moça Bonita pela quarta rodada do segundo turno do Campeonato Carioca.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.