"Optei pela tradição", declara Paulo Autuori em sua apresentação no Vasco

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Contratado para assumir a vaga do demitido Gaúcho, novo treinador vascaíno exalta grandeza do clube e oportunidade de trabalhar com Ricardo Gomes

WAGNER MEIER / Agif/Gazeta Press
Paulo Autuori é apresentado no Vasco

Contratado na sexta-feira, Paulo Autuori não demorou a entrar na rotina do Vasco. O técnico comandou o primeiro treino logo na manhã do sábado e foi apresentado durante a tarde. Na coletiva, o treinador citou a tradição da equipe como o maior motivo para a sua chegada.

"Optei pela tradição. Hoje, quando entrei aqui, senti que não sou nada perto da grandeza do Vasco. Acreditei nas pessoas e na instituição, o Vasco é grande demais para se deixar levar por esse momento. Não considero um desafio, quero acabar com a imagem de arrogância dos treinadores. Nenhum profissional, por mais vitorioso que seja, pode se comparar a instituições", declarou.

Você aprova a chegada de Paulo Autuori ao Vasco? Deixe seu comentário

O novo comandante também falou sobre o diretor técnico Ricardo Gomes, outra peça fundamental para a sua chegada. O ex-treinador esteve perto de deixar o clube, mas decidiu ficar por conta da chegada de Autuori.

O campeão do Mundial de Clubes de 2005 exaltou o novo companheiro, com quem chegou perto de trabalhar no Benfica: Gomes atuava no clube como zagueiro em 1996, mas se aposentou logo antes da chegada de Autuori.

"Quase trabalhamos juntos no Benfica e, agora que voltei para treinar no Brasil, não podia perder a chance de trabalhar com o Ricardo Gomes. Ele simboliza a vitória como homem", comentou o treinador.

Paulo Autuori está entre os 20 técnicos que mais faturaram no mundo em 2012. Veja a lista

1º) Pep Guardiola (Bayern de Munique): 17 milhões de euros por ano. Foto: MICHAELA REHLE/REUTERS2º) José Mourinho (Chelsea) - 10,3 milhões de euros. Foto: AP3º Marcelo Lippi (Guangzhou Evergrande) - 10 milhões de euros. Foto: Getty Images4º) Arsène Wenger (Arsenal) - 8,2 milhões de euros. Foto: EFE5º Fabio Capello (seleção da Rússia) - 7,8 milhões de euros. Foto: AP6º) Carlo Ancelotti Real Madrid) - 7,5 milhões de euros. Foto: Reuters7º) David Moyes (Manchester United) - 5,9 milhões de euros. Foto: Thananuwat Srirasant/Getty Images8º) Gerardo Martino (Barcelona) - 5,4 milhões de euros. Foto: Getty Images/Miquel Benitez9º) Jürgen Klopp (Borussia Dortmund) - 4,3 milhões de euros. Foto: Getty Images10º) Manuel Pellegrini (Manchester City) - 4,1 milhões de euros. Foto: Getty Images/Denis Doyle11º - Jorge Jesus (Benfica) - 4 milhões de euros. Foto: Clive Rose/Getty Images12º) Brendan Rodgers (Liverpool) - 3,8 milhões de euros. Foto: Getty Images13º) Sam Allardyce (West Ham) - 3,5 milhões de euros. Foto: Getty Images14º) Roy Hodgson (seleção inglesa) - 3,5 milhões de euros. Foto: Mike Hewitt/Getty Images15º Roberto Mancini (Manchester City) - 3,5 milhões de euros . Foto: AP16º Rafa Benítez (Chelsea) - 3,5 milhões de euros. Foto: AFP17º Luciano Spalletti (Zenit) - 3,3 milhões de euros. Foto: Oleg Nikishin/Getty Images18º) Claudio Ranieri (Monaco) - 3 milhões de euros. Foto: AP19º) Laurent Blanc (PSG) - 18 milhões de euros. Foto: AP20º) Antonio Conte (Juventus) - 3 milhões de euros. Foto: Getty Images21º) Cesare Prandelli (seleção italiana) - 3 milhões de euros. Foto: Getty Images22º) Massimiliano Allegri (Milan) - 2,8 milhões de euros. Foto: AFP23º) Luiz Felipe Scolari (seleção brasileira) - 2,7 milhões de euros. Foto: Rafael Ribeiro/CBF24º) Ottmar Hitzfeld (seleção da Suíça) - 2,6 milhões de euros. Foto: AP25º) Mircea Lucescu (Shakthar Donetsk) - 2,56 milhões de euros. Foto: Getty Images26º) Diego Simeone (Atlético de Madri) - 2,5 milhões de euros. Foto: EFE27º) Harry Redknapp (QPR) - 2,5 milhões de euros. Foto: Getty Images28º) Joachim Löw (seleção alemã) - 2,5 milhões de euros. Foto: Reuters29º) Walter Mazzari (Inter de Milão) - 2,4 milhões de euros. Foto: Getty Images30º) Vicente del Bosque (seleção da Espanha) - 2,3 milhões de euros. Foto: Getty Images

O ex-comandante da seleção do Qatar não espera fazer alterações para a estreia no Vasco. "Não tenho tempo e não vamos fazer alterações para o confronto contra o Olaria, peço compreensão nesse momento. Quero dispor de todos os jogadores e avaliá-los. O Vasco chegou à final da Taça Guanabara e estamos em um clube vencedor, com uma história enorme", afirmou.

Paulo Autuori encontra o cruz-maltino sem pontos na penúltima posição do Grupo A da Taça Rio após a derrota na final da Taça Guanabara. A estreia do treinador será na quarta-feira, às 16 horas (de Brasília), contra o Olaria, no estádio Moça Bonita.

Leia tudo sobre: vascopaulo autuori

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas