Zagueiro e atacante deixaram a partida contra o Botafogo contundidos e não disputarão o clássico no próximo domingo

Leandro comemora gol do Palmeiras na vitória contra o Botafogo-SP
Fernando Dantas/Gazeta Press
Leandro comemora gol do Palmeiras na vitória contra o Botafogo-SP


Além de Valdivia, Souza e Maikon Leite, Gilson Kleina deve perder mais dois jogadores que considera importantes para enfrentar o Santos neste domingo. Henrique e Kleber foram substituídos ainda no primeiro tempo da vitória sobre o Botafogo de Ribeirão Preto nesta quarta-feira e dificilmente terão condições de atuar no clássico.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O atacante já entrou em campo reclamando de dores no joelho direito e não suportou atuar por mais de 34 minutos. "Até tentei tomar injeção, mas a tendinite está doendo", apontou o jogador, que deixou o Pacaembu mancando, com dificuldades para subir as escadas que o levaram até o ônibus da delegação.

Já Henrique até discutiu com o médico para continuar no jogo. O zagueiro foi atendido após pouco mais de meia hora em campo com lesão na coxa direita. Imediatamente, o médico Otávio Vilhena disse a Gilson Kleina que a substituição era necessária e André Luiz já estava pronto para entrar quando Henrique ainda esbravejava porque não queria sair.


Veja também: Leandro marca dois e dá vitória para o Palmeiras diante do Botafogo-SP

"Mas o médico estava certo", concordou o capitão, ainda no intervalo. "Estava doendo e deu uma espetada. Na hora mesmo, esfriou e piorou. Ele estava certo mesmo em me tirar. Agora vamos ver o exame", prosseguiu o camisa 3.

Tanto Henrique quanto Kleber farão exames nesta sexta-feira para que saibam exatamente o que têm. A comissão técnica, contudo, considera improvável a liberação de ambos para participar do clássico deste fim de semana, no Pacaembu.

Para a zaga, o treinador já poderá contar novamente com Mauricio Ramos, que cumpriu suspensão nesta quarta-feira. No ataque, Caio é o único centroavante à disposição, mas também existe a opção da volta de Vinicius, que era titular até domingo e não ficou nem no banco de reservas diante do Botafogo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.