Real Madrid leva susto em casa, mas vira e goleia Mallorca

Por Gazeta | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe comandada por José Mourinho contou com noite inspirada do argentino Higuaín, autor de dois gols, para vencer e chegar aos 61 pontos no Espanhol

O Real Madrid teve mais trabalho do que esperava para vencer o Mallorca neste sábado, pelo Campeonato Espanhol. Depois de ter ficado atrás no placar por duas vezes, o time merengue acordou no estádio Santiago Bernabéu e venceu de virada, por 5 a 2.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

SUSANA VERA/REUTERS/Newscom
Argentino Higuaín marca para o Real Madrid na vitória diante do Mallorca

Com o brasileiro Kaká entre os titulares, sendo substituído apenas no segundo tempo por Xabi Alonso, o time do técnico José Mourinho chegou aos 61 pontos, na vice-liderança, enquanto a ponta permanece com o Barcelona, que tem 71 e só joga no domingo.

Leia mais: Kaká e Ronaldinho aparecem entre os 50 jogadores mais ricos. Beckham lidera

Já o Mallorca continua em situação complicada, pois aparece no 18º lugar, com apenas 24. Os gols da equipe da casa foram marcados por Higuaín (dois), Cristiano Ronaldo, Modric e Benzema. Os visitantes balançaram as redes com Nsue e Alfaro.

O jogo
O time visitante saiu na frente no placar, logo aos oito minutos de jogo. O mexicano Giovani dos Santos fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Nsue, que recebeu perto da marca do pênalti e cabeceou no canto, sem dar chance de defesa ao goleiro Diego López.

Empurrado por sua torcida, o Real chegou ao empate oito minutos depois. Modric trabalhou pela intermediária e fez ótimo passe na área para Pepe, que, pressionado pelo goleiro Dudu Aouate, tocou rapidamente para Higuaín. Diante do gol aberto, o argentino só teve o trabalho de empurrar para as redes.

No entanto, o Mallorca continuou ousado no Santiago Bernabéu. Assim, aos 23, Giovani dos Santos bateu escanteio, Bigas desviou e Alfaro completou para marcar o gol, recolocando os visitantes na frente.

Com a desvantagem, o Real se viu obrigado a pressionar. Cristiano Ronaldo recebeu na área e soltou um foguete, que chegou a desviar no travessão, antes de se perder pela linha de fundo.

Depois do intervalo, o time de José Mourinho não precisou de muito tempo para virar. Aos seis minutos, Özil bateu escanteio na primeira trave e Cristiano Ronaldo mostrou seu conhecido poder pelo alto para cabecear, empatando o confronto.

Apenas três minutos depois, Modric marcou um golaço ao acertar um chute forte, de longe, atingindo o ângulo da meta defendida por Aouate. Impiedoso, o Real marcou mais um pouco depois. Kaká carregou a bola pela direita e tocou na linha de fundo para Özil, que rolou na segunda trave, onde apareceu Higuaín, sozinho, para fazer o gol.

A partir daí, o Mallorca perdeu suas forças, facilitando o trabalho do Real Madrid, que soube controlou o jogo e marcou o quinto gol, com Benzema. Antes do recomeço da partida, o árbitro Mateu Lahoz apitou o fim do confronto.


Leia tudo sobre: real madridespanhamallorcafutebol mundial

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas