Após quatro jogos, Atlético-MG é melhor na Libertadores do que no Estadual

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Clube tem marcas ofensivas mais positivas na disputa continental, na qual possui 100% de aproveitamento, do que no Campeonato Mineiro

Juan Karita/AP
Tardelli e Ronaldinho Gaúcho comemoram gol do Atlético-MG na vitória diante do Strongest

Quatro jogos, quatro vitórias, 11 gols marcados e quatro sofridos. A campanha do Atlético-MG na Copa Libertadores é impecável, por enquanto. Melhor até do que o desempenho do clube nas mesmas quatro rodadas do Campeonato Mineiro.

Na Libertadores, os atleticanos marcam média de 2,75 gols por partida, contra 2,25 do Estadual, segundo dados da Footstats. O time também finaliza mais no alvo no torneio continental: 7,75 a 6.

LEIA: Tardelli celebra classificação antecipada e quer terminar na liderança geral

MÉDIAS DO ATLÉTICO-MGNA LIBERTADORESNO MINEIRO
Gols marcados / sofridos2,75 / 1,252,25 / 1
Finalizações certas7,756
Dribles13,7515,75
Faltas cometidas / sofridas13,25 / 1219 / 20
Desarmes24,7522,25
Defesas5,254,5


O Atlético-MG sofreu um gol a mais na Libertadores do que no Mineiro, porém ainda está com 100% de aproveitamento na disputa sul-americana – isso depois de encarar o São Paulo em casa e a altitude de Laz Paz contra o The Strongest. No Estadual, perdeu logo na estreia para o arquirrival Cruzeiro.

A parte defensiva também trabalha mais nos compromissos continentais. Por ficar menos com a posse de bola, a equipe troca menos passes do que no Mineiro e ostenta média de 24,75 desarmes e 5,25 defesas, contra 22,25 e 4,5, respectivamente.

E TAMBÉM: Atlético-MG vence o Strongest na altitude, mantém 100% e se classifica

A campanha atleticana já é a melhor de sua história na Libertadores. Nunca o clube, que tem como melhor resultado em quatro participações anteriores as quartas de final de 2000, havia vencido seus quatro primeiros compromissos. Agora, está garantido na próxima fase com duas rodadas de antecedência.

Paulinho cabeceia e fecha o placar para o Corinthians diante do Tijuana. Foto: Miguel Schincariol/ Gazeta PressFábio Santos disputa bola de cabeça no Pacaembu. Foto: Andre Penner/APO peruano Guerrero celebra seu gol no primeiro tempo. Foto: Andre Penner/APPato comemora o primeiro gol do Corinthians contra o Tijuana. Foto: Miguel Schincariol/ Gazeta PressRenato Augusto aperta a marcação em cima de Corona no primeiro tempo. Foto: Andre Penner/APA bola passa por Pato dentro da área e o atacante lamenta. Foto: Miguel Schincariol/ Gazeta PressTorcida compareceu ao Pacaembu e fez mosaico alusivo ao bimundial do clube. Foto: Miguel Schincariol/ Gazeta PressMosaico "Bi Mundial" começa a ser montado no Pacaembu antes de Corinthians x Tijuana. Foto: Bruno Winckler / iG

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas