Michel Bastos marca, mas Galatasaray vence o Schalke e avança às quartas

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Brasileiro fez um gol para o time alemão, que perdeu em casa da equipe turca e ficou pelo caminho na Champions League

Schalke e Galatasaray duelaram nesta terça-feira no jogo de volta das oitavas da Champions. Foto: Frank Augstein/APNeustädter fez o primeiro gol do jogo, colocando o time alemão na frente. Foto: Frank Augstein/APDepois foi só sair para comemorar. Foto: Frank Augstein/APDrogba disputa a bola com o lateral Kolasinac. Foto: Frank Augstein/APFelipe Melo foi o camisa 10 do Galatasaray no duelo contra o Schalke. Foto: Ina Fassbender/ReutersAltintop chuta de longe para anotar o primeiro gol do Galatasaray na partida. Foto: Lars Baron/Getty ImagesComemoração de Altintop, que já jogou por quatro temporadas no Schalke. Foto: Lars Baron/Getty ImagesYilmaz toca por cima do goleiro Hildebrand para anotar o segundo do Galatasaray. Foto: Lars Baron/Getty ImagesDrogba comemora com Yilmaz. Foto: Dennis Grombkowski/Getty ImagesNo segundo tempo, o brasileiro Michel Bastos marcou o gol do empate do Schalke. Foto: Lars Baron/Getty ImagesTorcedor do Galatasaray marcou presença na Veltins Arena, em Gelsenkirchen. Foto: Ina Fassbender/Reuters

Após empatar por 1 a 1 com o Schalke 04 atuando como mandante, em Istambul, o Galatasaray encarou o time alemão na Veltins Arena, nesta terça-feira, e venceu por 3 a 2. O resultado garante o clubeturco nas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa, encerando jejum que durava desde 2001 no torneio continental.

O Galatasaray tem chances de conquistar a Champions? Comente

A equipe da casa abriu o placar com o volante Neustadter, aos 16 minutos do primeiro, mas sofreu a virada ainda na etapa inicial, com Altintop, aos 35 minutos, e Burak Yilmaz, aos 41 minutos, anotando para os visitantes. O meio-campista brasileiro Michel Bastos, aos 18 minutos do segundo tempo, ainda empatou para o clube alemão, mas Umut Bulut, aos 51 minutos, deu números finais ao jogo.

O Galatasaray ainda não tem adversário definido para as quartas de final. Nesta sexta-feira, em Nyon (Suíça), a União das Federações Europeias de Futebol (UEFA) realiza o sorteio que define os confrontos da sequência da competição continental. Real Madrid, Borussia Dortmund, Juventus e Paris Saint-Germain já estão classificados para próxima fase, que terá início em 2 de abril.

O jogo
Apesar de atuar longe de seus domínios, o Galatasaray começou o embate desta terça-feira pressionando o time mandante. Apostando no esquema 4-4-2, a equipe comandada por Fatih Terin criou as melhores oportunidades nos primeiros dez minutos e quase abriu o placar em arremate de perna esquerda de Didier Drogba, mas Hildebrand apareceu bem para fazer a defesa e manteve o marcador em igualdade.

Lars Baron/Getty Images
Comemoração de Altintop, que já jogou por quatro temporadas no Schalke

A partida seguiu em ritmo veloz, com boa disputa na região central do gramado. O time turco, com superioridade na posse de bola, era quem mais se aproximava de anotar o primeiro gol. No entanto, a equipe visitante acabou surpreendida aos 16 minutos. Após cobrança de escanteio do peruano Farfán, o volante Neustadter aproveitou falha da zaga rival e, sem maiores dificuldades, tocou para o fundo das redes.

O gol empolgou os jogadores do Schalke 04, que partiram em busca de ampliar a vantagem. O clube treinado por Jens Keller criou boas oportunidades nos dez minutos seguintes, mas presenciou o Galatasaray reassumir o protagonismo do duelo a partir dos 30 minutos. O meio-campista Wesley Sneijder, em chute pelo lado esquerdo da área, quase empatou, aos 34 minutos. A igualdade no placar aconteceu um minuto depois, quando Selçuk Inan rolou a bola para Altintop, da intermediária, acertar bonito arremata, sem chances ao goleiro rival.

O time mandante não soube reagir ao gol do meio-campista adversário, que defendeu o Schalke 04 entre 2003 e 2007. Aproveitando os espaços deixados pelo sistema defensivo alemão, o atacante Burak Yilmaz se beneficiou de lançamento de Riera, ganhou na velocidade de Howedes e tocou por cima de Hildebrand, fazendo sua equipe ir em vantagem para os vestiários da Veltins Arena.

Em busca de igualar o placar, o técnico Jens Keller tirou o autor do gol de seus comandados, Neustadter, e promoveu a entrada de Christian Fuchs, logo na volta para a etapa complementar. A alteração não surtiu efeito imediato, já que o Galatasaray quase marcou o terceiro gol com Yilmaz, mas o time alemão conseguiu aumentar seu volume ofensivo e passou a ameaçar o adversário em mais oportunidades.

A pressão do Schalke 04 teve resultado aos 18 minutos. Após finalização de Farfán, a bola tocou na trave e sobra na área. O atacante Pukki levou a melhor em disputa com Muslera e Michel Bastos, livre, anotou o segundo gol do time da casa. A vantagem, contudo, seguia com a equipe visitante.

O ímpeto a equipe alemã incomodou o treinador Faith Terin, que, incomodado com a atuação de seus comandados na etapa complementar, tirou Wesley Sneijder, aos 25 minutos, e colocou Amrabat. Em sua primeira participação no jogo, o meio-campista recebeu passe pelo lado esquerdo, mas não evitou a saída de bola e quebrou a sequência da jogada do clube turco.

O Schalke 04 continuou tentando reestabelecer sua vantagem no marcador até os instantes finais. O Galtasaray, sem Semih Kaya, que bateu a cabeça no chão, ficou desacordado e foi substituído por Gokhan Zan, se defendeu como pôde. Apesar da pressão, o time da casa ainda viu Umut Bulut aproveitar rápido contra-ataque, aos 51 minutos, tocar na saída de Hildebrand e dar números finais ao jogo.

FICHA TÉCNICA
SCHALKE 04 2x3 GALATASARAY

Local: Estádio Veltins Arena, em Gelsenkirchen (Alemanha)
Data: 12 de março de 2013, terça-feira
Árbitro: Jonas Eriksson (Suécia)
Assistentes: Mathias Klasenius e Daniel Warnmark (ambos da Suécia)
Cartões Amarelos: Marco Hoger, Kolasinic (Schalke 04); Drogba (Galatasaray)
Gols: Schalke 04: Neustadter, aos 16 minutos do primeiro tempo, e Michel Bastos, aos 18 minutos do segundo tempo.
Galatasaray: Altintop, aos 35 minutos do primeiro tempo, Burak Yilmaz, aos 41 minutos do primeiro tempo, e Umut Bulut, aos 51 do segundo tempo

SCHALKE 04: Hildebrand; Uchida, Howedes, Matip e Kolasinac; Hoger (Meyer), Neustadter (Fuchs), Farfan, Draxler e Michel Bastos; Pukki (Obasi)
Técnico: Jens Keller

GALATASARAY: Muslera; Eboué, Nounkeu, Semih (Gokhan Zan) e Riera; Felipe Melo, Selcuk, Hamit Altintop e Sneijder (Amrabat); Burak Yilimaz (Umut Bulut) e Drogba
Técnico: Fatih Terin

Leia tudo sobre: schalke 04galatasarayturquiaalemanhafutebol mundial

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas