Para encaminhar vaga, Fluminense recebe Huachipato no Engenhão

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Apesar da vitória por 2 a 1 no Chile na última semana, jogadores brasileiros não admitem favoritismo para duelo desta quarta pela Libertadores

AP
Fluminense reencontra o Huachipato. Na última semana, venceu no Chile por 2 a 1

Superar a eliminação da Taça Guanabara diante do Vasco e deixar a classificação para as oitavas de final da Libertadores bem encaminhada. Esses são os objetivos do Fluminense nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), no duelo diante do Huachipato. O clube carioca soma seis pontos no Grupo 8, três a mais que os chilenos. Na última semana, ambos se enfrentaram no Chile. Os brasileiros ganharam por 2 a 1.

A vitória na casa do adversário credencia o Fluminense ao posto de favorito absoluto para o duelo do Engenhão. Porém, na visão dos jogadores brasileiros, os dois jogos não deverão ser comparados e eles esperam muitos problemas pela frente.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Vai ser um jogo complicado, como todos na Libertadores. O Huachipato tem um bom time, nos deu muito trabalho na semana passada e vai querer fazer um jogo equilibrado no Brasil. Não podemos entrar em campo acomodados, achando que já ganhamos por conta da vitória no Chile. Se isso acontecer vamos ser surpreendidos. Temos que tratar o jogo com a seriedade que ele merece, já que nosso rival não chegou até aqui por acaso", analisou o lateral esquerdo Carlinhos.

Independentemente das dificuldades do duelo, o técnico Abel Braga deixou seus jogadores cientes de que a vitória se tornou uma obrigação depois da eliminação para o Vasco, uma vez que a participação do Fluminense no Campeonato Carioca foi muito sacrificada pelo fato de o time estar priorizando a Libertadores.

"Quarta-feira se tornou para nós o jogo mais importante do ano. Não adianta negar, pois é a competição que o Fluminense prioriza. Estamos tratando esta partida diante do Huachipato como se fosse uma decisão, o que de fato ela é, pois a vitória nos deixará em muito boas condições para a classificação", ressaltou Abel.

Para este jogo Abel Braga terá o retorno do zagueiro Leandro Euzébio, vetado contra o Vasco por conta de dores no tornozelo esquerdo. O jogador se recuperou e vai formar dupla com Gum. A notícia é um alívio para o treinador, já que Anderson, que atuou diante dos vascaínos, sofreu um estiramento na coxa esquerda e sequer será relacionado.

Pelo lado do Huachipato, o técnico Jorge Pellicer acredita que seu time precisa aprender as lições da derrota para o Fluminense na semana passada.

"Contra o Fluminense na semana passada sofremos com alguns momentos de apagão e fomos castigados. Não podemos errar contra um adversário que tem tanta qualidade e jogadores capazes de desequilibrar o confronto. Isso deve servir de alerta para os nossos jogadores no Rio de Janeiro", destacou o comandante.

Jorge Pellicer não quis antecipar a escalação que pretende mandar a campo e está abusando do mistério, mas não terá muito como fugir de manter a base que foi derrotada na semana passada.No fim de semana, pelo Campeonato Chileno, o Huachipato, em casa, venceu o Deportes Iquique por 2 a 1 e aparece na 14ª posição com cinco pontos conquistados.

FICHA TÉCNICA FLUMINENSE X HUACHIPATO
Local: Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de março de 2013 (Quarta-feira)
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: German Delfino (Argentina)
Assistentes: Diego Bonfa (Argentina) e Gustavo Rossi (Argentina)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean, Deco e Thiago Neves; Wellington Nem e Fred
Técnico: Abel Braga

HUACHIPATO: Nery Veloso, Claudio Muñoz, Carlos Labrín e Miguel Aceval; Mauricio Yedro, Lorenzo Reyes, Nicolas Núñez, Nicolás Crovetto e Martín Rodríguez; Braian Rodríguez e Federico Falcone
Técnico: Jorge Pellicer

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: fluminensehuachipatocopa libertadores 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas