Após gestos obscenos, Henrique pede desculpas à torcida da Lusa

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Meia da Portuguesa fez gestos obscenos para a própria torcida na vitória por 2 a 1, pois se irritou ao ser xingado pelos fãs

O meia Henrique, da Portuguesa, pediu desculpas nesta terça-feira por ter feitos gestos obscenos para a própria torcida durante o jogo contra o Capivariano, no último domingo, no Canindé. Apesar de os anfitriões terem vencido por 2 a 1, o armador se irritou quando foi substituído por Bruninho, no segundo tempo, e acabou xingando alguns torcedores rubro-verdes.

"Eu reagi de maneira indevida às provocações de um grupo de torcedores. Recebi muitas críticas deles durante todo o primeiro tempo, mas eu também me cobrava por não estar bem, e acabei respondendo como não deveria", disse.

Se declarando torcedor da equipe, Henrique citou alguns números deste começo do ano para reafirmar seu empenho e garantiu que dará - desta vez com a bola nos pés - a resposta que julga devida às críticas.

"Desde os meus seis anos sou atleta da Portuguesa, cresci no Canindé e sou torcedor do clube, que me formou como jogador, profissional e homem. É uma instituição pela qual tenho muito respeito. Quero, em campo, responder positivamente às cobranças. Não foi à toa que participei de dez dos 12 jogos da temporada, sendo titular em nove. Isso mostra a minha dedicação ao clube", explicou.

Mesmo com a confusão do último domingo, a Portuguesa segue líder da Série A2 do Campeonato Paulista, com 24 pontos. Nesta quarta, a equipe enfrenta, mais uma vez no Canindé, o Noroeste, pela 13ª rodada da competição.

Leia tudo sobre: henriqueportuguesaigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas