Uefa rejeita recurso do Schalke 04 e Drogba pode atuar na Liga dos Campeões

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Time alemão alegava que a contratação do marfinense não foi realizada dentro dos padrões exigidos pela entidade

A Uefa negou o recurso apresentado pelo Schalke 04 e garantiu a participação do atacante Didier Drogba no jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões. Os alemães se aproveitaram das polêmicas que envolvem a transferência do atleta e entraram com uma ação para impedir que o Galatasaray pudesse utilizar o atleta no torneio. De acordo com a diretoria do time de Gelsenkirchen, a contratação do marfinense não foi realizada dentro dos padrões exigidos pela entidade.

Drogba deixou o Shanghai Shenhua, da China, após ficar três meses sem receber salários. O atacante moveu uma ação na Justiça do Trabalho e conseguiu o rompimento de seu contrato sem o pagamento das multas previstas anteriormente. Mesmo com os protestos do time asiático, o atleta negociou com outras equipes europeias e selou a sua ida para o Galatasaray durante a abertura da janela de transferências.

Como a equipe chinesa ainda questiona a legalidade de sua transferência para a Turquia, o Schalke 04 esperava algum tipo de punição para o Galatasaray e para o próprio atacante. A Uefa, contudo, julgou a ação improcedente e garantiu a sua participação na sequência da competição continental.

A primeira partida entre Schalke 04 e Galatasaray foi realizada em Istambul e terminou com um empate por 1 a 1. Os times voltarão a se enfrentar no dia 12 de março, em Gelsenkirchen, na Alemanha. O vencedor estará classificado para disputar as quartas de final da Champions.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas