Strongest descarta receio por caso Kevin antes de encarar o São Paulo

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Delegação boliviana quer se desvincular da tragédia de Oruro, no jogo entre San José e Corinthians, na semana passada

Gazeta Press
Eduardo Vilhegas, técnico do Strongest, dá entrevista após desembarcar em Guarulhos

De terno cinza e gravata rosa, figurino incomum no futebol, a delegação do Strongest desembarcou em Guarulhos na tarde desta quarta-feira. Elegante, o primeiro time boliviano a visitar o Brasil após a morte de Kevin Beltrán Espada descartou qualquer tipo de receio antes do encontro com o São Paulo, marcado para quinta-feira.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não devemos misturar esse tipo de coisa. Foi um acidente terrível para o futebol, que envolve a nós e a vocês. Mas eu digo que o futebol, acima desse inconveniente, é para unir os povos, para que haja unidade e relação futebolística", declarou o técnico Eduardo Villegas.

Com apenas 14 anos, Kevin Beltrán foi morto por um sinalizador atirado da torcida do Corinthians durante o duelo com o San José, disputado na quarta-feira passada, em Oruro. Carlos Casso, presidente do Comitê de Futebol do Strongest, também procurou desvincular seu clube da situação.

Veja também: Luis Fabiano prevê desânimo corintiano e pede organização na Libertadores

"Esse é um tema extra-futebolístico e temos que saber dividir as coisas. Aconteceu algo que não queríamos que acontecesse, não é um tema futebolístico. Nós viemos para jogar futebol e dar espetáculo. O que aconteceu em Oruro deixou o futebol em segundo plano", afirmou.Doze torcedores do Corinthians foram indiciados e estão presos na Bolívia. Em São Paulo, um menor de 17 anos se apresentou como responsável por disparar o sinalizador que atingiu Kevin. Punido, o time será obrigado a mandar seus jogos com portões fechados na Libertadores.

Apesar da situação complexa, Carlos Casso acredita em uma solução para o problema. "O povo boliviano continua muito triste. Imagine o que significa perder uma vida. Mas sabemos que tudo vai se resolver. Temos que aprender com isso para que não se repita", declarou.

Na primeira rodada da Copa Libertadores, o Strongest venceu o Arsenal e o São Paulo perdeu do Atlético-MG. Em um confronto importante para as pretensões das duas equipes na Copa Libertadores, brasileiros e bolivianos duelam às 21h30 desta quinta-feira, no Morumbi.

Leia tudo sobre: StrongestSão PauloLibertadores 2013Kevin Estradaigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas