Apesar de vitória, Dracena cobra Santos: “Não podemos entrar assim"

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Zagueiro e capitão do Santos criticou o primeiro tempo da equipe, cobrou empenho, mas elogiou a postura na segunda etapa

A vitória apertada diante do XV de Piracicaba, por 2 a 1, na noite deste domingo, na Vila Belmiro, não deixou o zagueiro Edu Dracena plenamente satisfeito. O capitão do Santos acredita que a equipe deveria ter se portado de uma maneira diferente dentro de campo, especialmente no primeiro tempo, quando pouco produziu e ainda viu o Nhô Quim levar perigo nos contra-ataques.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Gazeta Press
Edu Dracena criticou o desempenho do time diante do XV de Piracicaba

"O nosso primeiro tempo foi muito ruim. Melhoramos bastante no segundo tempo, pelo menos no que diz respeito à dedicação. Mostramos que, se melhorarmos um pouquinho, podemos conseguir a vitória", disse o camisa 2 do Peixe.

Leia mais: Muricy elogia XV e considera que Santos não jogou bem

Incisivo em suas críticas, Edu Dracena cobrou mais empenho de todos em campo. "Não podemos entrar como entramos (neste domingo), olhando o time do XV jogar. Todas as equipes estão equilibradas atualmente e, se você não marcar o adversário, não ganha. Temos que sofrer na marcação, roubar a bola e criar. Além disso, não podemos desperdiçar tantas chances de gol. Time grande tem que fazer quando as oportunidades aparecem", comentou.

O zagueiro alvinegro ainda falou sobre a expectativa para o próximo desafio do Santos no Campeonato Paulista, contra o Corinthians, marcado para o próximo domingo, às 16 horas (horário de Brasília), no Morumbi.

No clássico, os santistas poderão contar com a volta de Neymar, que cumpriu suspensão automática diante do XV, por conta da expulsão na derrota para a Ponte Preta. "Foi uma vitória boa, que nos dá mais confiança e moral para enfrentar o Corinthians. Vai ser um jogo bom, teremos o retorno do Neymar. No clássico, queremos fazer um jogo melhor do que fizemos (contra o Nhô Quim)", encerrou.

Leia tudo sobre: santosedu dracenacampeonato paulista 2013igsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas