Apesar de atuar dentro de casa, time de Campinas fica em desvantagem durante a maior parte do jogo e só chega ao empate aos 37 do segundo tempo

A Ponte Preta viu sua invencibilidade ser mais ameaçada do que em qualquer outro jogo do Campeonato Paulista, mas conseguiu mantê-la. Neste domingo, a equipe atuou em um nível abaixo do que vem demonstrando e precisou buscar um empate por 1 a 1 contra o São Bernardo atuando no estádio Moisés Lucarelli.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O Bernô abriu o placar logo aos 15 minutos do primeiro tempo com Fernando Baiano aproveitando sobra de bola na área. O empate veio aos 37 minutos do segundo tempo, quando William cabeceou um cruzamento de Ferrugem.

O resultado não foi suficiente para devolver a liderança à Macaca, que fica com 19 pontos na segunda posição. O líder São Paulo, com um jogo a menos, tem a mesma pontuação, mas venceu mais partidas e leva a melhor nos critérios de desempate. O São Bernardo, que só venceu uma vez no estadual, chega aos sete pontos e fica na 17ª posição.

O jogo

Após um início de jogo travado, o jogo melhorou aos 13 minutos do primeiro tempo, quando Cléber cabeceou uma cobrança de falta de Uendel e fez a bola passar à direita do gol de Wilson Júnior.

O São Bernardo respondeu no minuto seguinte, com Fernando Baiano girando na área para defesa de Edson Bastos. Na sequência, o próprio centroavante abriu o placar para o Bernô aproveitando sobra de bola na área após Bruno Silva salvar em cima da linha uma bicicleta de Ricardinho.

A Ponte Preta avançou em seguida para buscar o empate e teve uma boa oportunidade aos 26 minutos, quando Wellington Bruno cobrou falta direta para boa defesa de Wilson Júnior. Aos 33, o goleiro do São Bernardo cortou um cruzamento de Ramírez e a bola ficou com Bruno Silva, que finalizou pela linha de fundo.

Melhor na partida, a Macaca sofreu um susto aos 43 minutos do primeiro tempo, quando Edson Bastos saiu mal do gol para tentar socar um levantamento de Ricardinho e a bola ficou com Fernando Baiano, que acertou a rede pelo lado de fora.

O goleira alvinegro se redimiu aos nove minutos do segundo tempo, quando fez boa defesa em finalização de Régis. Dois minutos depois, Wellington Bruno voltou a assustar em cobrança de falta logo antes de deixar o jogo para a entrada de Chiquinho.

Aos 29 minutos, Ramírez ameaçou com chute que passou por cima do gol após invadir a área em bela jogada individual. Três minutos depois, foi a vez de William assustar com uma cabeçada que passou pela linha de fundo.

O centroavante, porém, não perdeu a oportunidade seguinte. Aos 37 minutos, Ferrugem recebeu de Chiquinho pela direita, chegou à linha de fundo e cruzou para William cabecear e garantir o empate por 1 a 1.

FICHA TÉCNICA - PONTE PRETA 1 X 1 SÃO BERNARDO
Local:
Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 24 de fevereiro de 2013, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Cartões amarelos: Dudu, Naldinho, Wilson Júnior e Luciano Castán (São Bernardo)

Gols:
Ponte Preta: William, aos 37 minutos do segundo tempo
São Bernardo: Fernando Baiano, aos 15 minutos do primeiro tempo

PONTE PRETA: Edson Bastos; Cicinho, Cléber, Ferron e Uendel; Baraka, Bruno Silva (Ferrugem), Wellington Bruno (Chiquinho), Luis Ramírez; Diego Rosa (Alemão) e William
Técnico: Guto Ferreira

SÃO BERNARDO: Wilson Júnior; Régis, Luciano Castán, Fernando Lombardi e Gleidson; Dudu, Daniel Pereira, Naldinho (Kléber) e Bady (Wagner Diniz); Ricardinho e Fernando Baiano (Radar)
Técnico: Wagner Lopes

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.