Jorginho cita reação em 2012 e diz que “vontade não vai faltar”

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Treinador do Bahia reconhece que time não estava na forma ideal quando foi eliminado na Copa do Nordeste, mas acredita no poder de superação do grupo

Depois de cair na primeira fase da Copa do Nordeste de maneira inesperada, o Bahia se prepara para encarar o Campeonato Baiano. Depois da vitória sobre o Atlântico em jogo-treino por 7 a 0, o técnico Jorginho reconheceu que o time pode não estar em sua forma ideal, mas que os jogadores vão sempre demonstrar muita dedicação.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O que não pode faltar nunca é a vontade, a apatia que nós tivemos no início não pode acontecer. Então, a apatia não existe mais. O que não vai se admitir é nós perdermos e ficar tudo como estava. Nós que trabalhamos aqui, nós do Bahia, não vamos permitir isso", declarou.

O técnico do Tricolor de Aço remontou à temporada passada, quando o Bahia lutava contra o rebaixamento e se recuperou no Campeonato Brasileiro, terminando a competição jogando de forma bastante convincente.

"Temos que voltar a fazer o que fizemos no Campeonato Brasileiro. Se não podemos, hoje, montar o time que talvez nós, os torcedores ou os próprios jogadores gostariam de ter, vamos montar um time que seja competitivo, que queira e que lute o tempo todo para vencer. Um time que vai se dedicar ao máximo para honrar sempre as cores do Bahia, é desse jeito que vamos cobrar", finalizou.

Leia tudo sobre: bahiajorginhocampeonato baiano 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas