Clube preparou atrativos para os sócios que visitaram o local neste sábado e o encontraram novamente em perfeitas condições

Nove dias após a tempestade que causou grandes estragos na sede social do São Paulo , ela foi reaberta. O clube preparou atrativos para os sócios que visitaram o local neste sábado e o encontraram novamente em perfeitas condições.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A recuperação do local em pouco tempo exigiu muito trabalho dos funcionários do clube. "Foram oito dias de trabalho ininterrupto para podermos entregar o clube em condições de uso para os associados. Devemos isso muito ao empenho dos nossos colaboradores, que fizeram de tudo para que pudéssemos concluir as obras mais urgentes em pouco tempo", exaltou Roberto Natel, vice-presidente Social e de Esportes Amadores do São Paulo.

Duas das três piscinas, berçário, fisioterapia, bilhar, quadras de tênis e diversos departamentos já estão funcionando normalmente. Todavia, algumas áreas mais atingidas como ginásios (que estavam em reforma e tiveram todas as obras em andamento destruídas), o parquinho e a piscina olímpica ainda passarão por reparos.

"Vamos reconstruir a piscina olímpica, essa é uma obra que demora de seis a sete meses. A sala de carteado terá o piso refeito. O parque das crianças ficará fechado, porque tem uma areia especial, colorida, que demora uns 15 dias para ser entregue", justificou Natel.

Os trabalhos de recuperação começaram assim que a tempestade passou. O São Paulo não perdeu tempo e também realizou a higienização e dedetização de tudo o que fui atingido.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.