Para ocupar a vaga do experiente meia de 40 anos, o técnico promoverá a escalação de Pedro Carmona

Rivaldo, meia do São Caetano
Divulgação/São Caetano
Rivaldo, meia do São Caetano

Depois de acumular três derrotas e um empate em suas quatro primeiras partidas no comando do São Caetano, o técnico Geninho resolveu mudar a equipe para o confronto deste sábado (de Brasília), contra o Mirassol, pela nona rodada do Campeonato Paulista. A principal alteração do time do ABC Paulista será a saída do meio-campista Rivaldo, que será poupado por sentir desconforto muscular após a derrota por 3 a 2 diante do São Paulo, na última quarta-feira.

Para ocupar a vaga do experiente meia de 40 anos, Geninho promoverá a escalação de Pedro Carmona, responsável pela armação de jogadas do Azulão no estádio José Maria de Campos Maia. As outras mudanças do treinador são na defesa: Diego Corrêa assume a vaga de Pirão por opção na lateral esquerda e Edson Ratinho estreia com a camisa azul substituindo Samuel Xavier, que está suspenso por acúmulo de cartões amarelos.

A principal novidade, no entanto, é um velho conhecido da torcida: o zagueiro Wagner finalmente estreia em 2013, já que está recuperado de uma lesão no menisco e fica à disposição de Geninho para fazer dupla de zaga com Gabriel Valongo, companheiros no Campeonato Brasileiro da Série B de 2012. O entrosamento é uma das explicações de Geninho para efetivar a nova dupla.

Dessa forma, o Azulão encara o Mirassol escalado da seguinte maneira: Fábio; Edson Ratinho, Gabriel Valongo, Wagner e Diego Corrêa; Moradei, Leandro Carvalho, Marcone e Pedro Carmona; Jobson e Danielzinho. Geninho mantém a equipe com três volantes e também aposta na dupla de ataque formada por Jóbson e Danielzinho para deixar a lanterna do Campeonato Paulista.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.