Time chileno perde por 3 a 1 dos venezuelanos, que haviam perdido para o Fluminense na rodada de estreia da Libertadores

Dany Cure comemora gol do Caracas
AP
Dany Cure comemora gol do Caracas

Grande surpresa da 1ª rodada da Libertadores no grupo 8 ao derrotar o Grêmio na badalada Arena, o Huachipato voltou a campo nesta quarta-feira e não repetiu a boa atuação. Os chilenos acabaram caindo diante da torcida por 3 a 1 para o Caracas, que na estreia havia perdido para o Fluminense na Venezuela.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Jogando no estádio CAP, a equipe chilena tentou pressionar nos primeiros lances, mas foi castigada logo aos 12 minutos. Aproveitando contra-ataque, o atacante Daniel Curé mostrou oportunismo e balançou as redes de Nery Veloso.

Já nos instantes finais do primeiro tempo, o Caracas voltou a frustrar os planos dos donos da casa. Angelo Peña aproveitou boa jogada do setor ofensivo venezuelano e não vacilou para aumentar a vantagem antes do intervalo da partida.

O mesmo Peña precisou de apenas oito minutos da etapa complementar para deixar a vitória ainda mais tranquila com um golaço por cobertura da entrada da área. Na raça, o time chileno tentou correr atrás do resultado, mas a reação ficou apenas no gol de Miguel Aceval.

Com a vitória, o Caracas deixa o grupo 8 embolado ao atingir os mesmos três pontos do Fluminense e chegar embalado para encarar o Grêmio no dia 5 de março, pela 3ª rodada. O Huachipato também fica nos três pontos e buscará a recuperação diante do Tricolor das Laranjeiras no dia 27 de fevereiro.

Alívio argentino
Depois de cair para o Emelec na estreia do grupo 4, o Vélez Sarsfield mostrou que ainda é um dos favoritos ao título da Libertadores. Atual campeão argentino, o time encarou o Deportes Iquique no José Amalfitani e não tomou conhecimento dos rivais ao aplicar 3 a 0 com gols de Federico Insúa, Ezequiel Rescaldini e do recém-chegado Fernando Gago.

A vitória encerra a 2ª rodada do grupo 4 com o Peñarol isolado na liderança com seis pontos, contra três de Vélez e Emelec. Na lanterna, sem nenhuma vitória, aparece o Deportes Iquique. Na 3ª rodada, Peñarol e Vélez protagonizam um grande clássico continental no dia 26, enquanto Emelec e Iquique jogam no dia 28.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.