Botafogo, Vasco e Madureira brigam pela segunda colocação do Grupo A e podem cruzar com o clube da Gávea na Taça Guanabara

Já garantido nas semifinais na Taça Guanabara, o Flamengo  nega ter preferência de cruzamento. Os jogadores adotaram discurso conciliador e fizeram coro para reafirmar que a equipe não escolhe adversário na segunda fase do primeiro turno do Carioca, apesar de já ser o primeiro colocado do Grupo B. Botafogo, Vasco e Madureira lutam ainda no Grupo A e quem ficar com a segunda colocação enfrentará o time da Gávea.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Para o meia Renato Abreu, o fato de a partida em questão se tratar de uma eliminatória simples e de um momento decisivo do estadual já traz dificuldades suficientes. "Acredito que qualquer adversário que venha na próxima fase vai ser um jogo complicado, pois será apenas uma partida onde qualquer coisa pode acontecer. Se um time estiver em um mau dia vai jogar todo o trabalho realizado fora e isso acaba aumentando a pressão", opinou.

O Madureira é o mais improvável dos rivais, já que, para se classificar, depende de um tropeço do Vasco e tem confronto contra o Fluminense. O Botafogo, atual líder da chave, já tem garantida, no mínimo, a segunda vaga.

Léo Moura prevê dificuldades em um duelo contra um dos grandes do estado. "Vamos cruzar com alguém do outro lado e rivais do porte de Vasco e de Botafogo sempre vão causar problemas. Mesmo com o Flamengo tendo a vantagem do empate é muito complicado jogar um clássico sabendo que o destino será definido em noventa minutos", comentou.

Destaque do time no início de temporada, o meia Rafinha não considera que as vitórias sobre Botafogo e Vasco durante a Taça Guanabara sejam um fator decisivo para a semifinal. "São dois adversários que já superamos neste Campeonato Carioca, mas como cada partida tem a sua história não podemos acreditar que vamos levar algum tipo de vantagem", disse.

Na última rodada da fase de classificação, o Flamengo mede forças contra o Olaria, neste sábado, às 18h30 (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Dorival Júnior deve preservar alguns titulares no confronto.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.