José Carlos Dias pediu seu desligamento em virtude de problemas particulares e desavenças com o diretor executivo da área, Clemént Izard

Pouco mais de dois meses após assumir o comando do Flamengo, a nova diretoria rubro-negra confirmou, nesta terça-feira, sua primeira baixa. O vice-presidente do Fla-Gávea (sede do clube), José Carlos Dias, pediu seu desligamento em virtude de problemas particulares e desavenças com o diretor executivo da área, Clemént Izard.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Dias teve uma série de problemas com Izard por causa da forma como o executivo tratava alguns funcionários do clube.

O ex-dirigente pediu ao presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, a demissão de Clemént, no que não foi atendido. Tomada a decisão, Dias resolveu deixar o cargo no último domingo.

Principal responsável pela saída de José Carlos Dias, Clemént Izard se envolveu em uma briga no último domingo, no estádio do Engenhão, com Luiz Cláudio Cotta Silva, o Cacau Cotta, vice-presidente do Fla-Gávea na gestão Patricia Amorim. Izard prestou queixa sob a alegação de que teria sido agredido por Cacau.

O cargo deixado por José Carlos Dias será ocupado por Cláudio Pracownik, vice-presidente administrativo do clube, que acumulará as duas funções momentaneamente.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.