Na Ponte, Alemão reencontra o Santos com dois gols e arrependimento

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Acionado no segundo tempo, Alemão se aproveitou de falhas defensivas do Peixe para marcar duas vezes e não comemorar nenhum dos gols marcados no goleiro Rafael

Revelação das categorias de base do Santos ao lado de jogadores como Paulo Henrique Ganso e Tiago Luís, o atacante Alemão deixou o clube em 2008 após acionar a Justiça para poder se transferir à Udinese, da Itália. Após passagens apagadas pelo futebol europeu, o jogador de 23 anos se firmou no Guaratinguetá, em 2012, e veste a camisa da Ponte Preta desde o início do Campeonato Paulista. Os dois primeiros gols do reserva de Willian foram marcados justamente contra o ex-time, neste domingo.

E mais: Ponte Preta aproveita expulsão de Neymar, bate o Santos e lidera

Futura Press
Alemão ajudou a Ponte Preta anotando dois gols contra o Santos

Acionado no segundo tempo, Alemão se aproveitou de falhas defensivas do Peixe para marcar duas vezes e não comemorar nenhum dos gols marcados no goleiro Rafael, seu antigo companheiro na base santista. Destaque da vitória por 3 a 1, pela oitava rodada do Paulistão, mostrou profundo arrependimento pela forma com a qual deixou o time da Vila Belmiro há cinco anos.

"É um jogo especial, porque marca minha volta a reencontrar ex-companheiros e meu ex-time, por isso não comemorei em respeito ao Santos e à torcida. Sei que posso ter errado, e foi minha maneira de pedir desculpa ao torcedor por quando era novo. Quando a gente é novo e imaturo comete alguns erros. Errei no começo, no momento em que saí do Santos, mas a página virou", relatou Alemão logo após o apito final neste domingo, no Moisés Lucarelli.

Apesar do arrependimento em ter saído do Santos, o atacante de 23 anos faz questão de esclarecer que está satisfeito na Ponte Preta: "Hoje estou feliz no meu novo cube, que é a Ponte Preta. Estamos na liderança, eu pessoalmente estou feliz por estar ao lado da torcida maravilhosa da Ponte, mas precisamos manter o foco, porque sabemos muito bem o que queremos".

Leia tudo sobre: Ponte Pretacampeonato paulista 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas