Shanghai Shenhua é uma das equipes protagonistas do escândalo de manipulação de resultados revelado pela Europol

Ex-clube dos atacantes Drogba e Anelka, o chinês Shanghai Shenhua foi um dos protagonistas do escândalo de manipulação de resultados revelado pela Europol. Punido, o time perderá o título do Campeonato Chinês de 2003.

Leia mais:  Polícia europeia investiga 380 jogos no continente suspeitos de manipulação

Drogba e Anelka já deixaram o clube chinês, punido por manipulação de resultados
Reprodução/News.cn
Drogba e Anelka já deixaram o clube chinês, punido por manipulação de resultados

A comprovação de que a equipe foi a principal articuladora do esquema de manipulação de resultados na China não trouxe punições apenas para a galeria de títulos do clube, como também para o futuro: a Associação Chinesa de Futebol multou o Shanghai em 120 mil euros (cerca de R$ 313 mil) e tirou seis pontos da equipe para a próxima temporada.

O clube, porém, não foi o único a ser punido. O Yanbian FC e o Tianjin Teda também sofreram sanções, apesar de menores: o primeiro foi multado no mesmo valor, enquanto o segundo terá que pagar 60 mil euros (cerca de R$ 156 mil) e perder três pontos na próxima temporada.

Mais de 30 pessoas, entre jogadores e dirigentes, foram condenadas e banidos de forma vitalícia do futebol. Entre eles, quatro atletas já tiveram passagem pela seleção chinesa, com o principal nome sendo o de Xu Hong, ex-defensor da seleção que vinha treinando o Dalian Aerbin.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.