Time espanhol perdeu por 2 a 1 e o ex-são-paulino foi o autor do passe que resultou no gol de Pastore no mata-mata da Liga dos Campeões

Lucas em ação pelo PSG
Reuters
Lucas em ação pelo PSG

Em sua estreia na Liga dos Campeões da Europa, o brasileiro Lucas teve boa atuação e deu assistência para Pastore na vitória do Paris Saint-Germain por 2 a 1 diante do Valencia , no estádio Mestalla, em partida válida pelas oitavas de final. O treinador da equipe espanhola, Ernesto Valverde, lamentou o resultado obtido nesta terça-feira, mas exaltou a qualidade do ex-jogador do São Paulo.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"Não podemos dizer muitas coisas. Eles vêm tendo um desempenho muito forte. Cada contra-ataque da equipe deles é muito perigoso. A verdade é que, talvez, fomos muito ingênuos durante o primeiro tempo. Precisamos ter consciência de que eles têm jogadores extraordinários, como Lucas Moura e Lavezzi", disse Valverde, lembrando também do atacante argentino, autor do primeiro gol francês.

Leia mais: Com Ibra expulso e assistência de Lucas, PSG vence o Valencia fora de casa

O duelo decisivo entre Paris Saint-Germain e Valencia será realizado em 6 de março, às 15h45 (de Brasília), no Parc des Princes. A equipe francesa garante vaga nas quartas de final com uma vitória, empate ou derrota por 1 a 0. Já o time espanhol, em situação mais complicada, precisa triunfar por dois gols de diferença ou, no mínimo, 3 a 2.

Apesar de o Valencia entrar em campo em desvantagem na próxima partida, Valverde segue confiante na classificação. O time espanhol perdia por 2 a 0 até os 45 minutos do jogo desta terça-feira, quando o zagueiro Rami diminuiu o placar e aumentou as esperanças da equipe. Além disso, o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, principal referência no setor ofensivo do time parisiense, foi expulso já nos acréscimos da etapa complementar e não atuará no embate final.

"Temos que reconhecer que nosso adversário tem uma grande equipe, com grandes jogadores, e mostrou sua força. Conseguimos marcar um gol no final, e isso nos da certa esperança, apesar de sabermos que a partida de volta será difícil", encerrou.

Veja fotos do mata-mata da Liga dos Campeões



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.