Palmeiras recebe R$ 7 milhões e cinco atletas na ida de Barcos para o Grêmio

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Atacante argentino pediu para ser negociado. Em troca, clube paulista pediu os atacantes Marcelo Moreno e Leandro, o volante Léo Gago, o meia Rondinelli e o zagueiro Vilson

Edu Dracena protege a bola do gremista Barcos na Vila Belmiro. Foto: Ricardo Saibun/Flickr SantosBarcos contra o Juventude. Foto: Site oficial do JuventudeBarcos sobe para fazer o cabeceio. Foto: Nabor Goulart/APAntes do jogo contra o Passo Fundo, torcedoras gremistas imitam piratas, em alusão ao apelido do atacante Barcos. Foto: Itamar Aguiar/Futura PressBarcos veste a camisa do Grêmio pela primeira vez. Foto: Gazeta PressBarcos foi para o Grêmio, mas Marcelo Moreno não quis o Palmeiras. Foto: Gazeta PressBarcos lamenta rebaixamento do Palmeiras. Foto: Futura PressBarcos treina com a seleção argentina . Foto: AFPBarcos foi contratado pelo Palmeiras quando Felipão era o treinador. Foto: Gazeta PressO atacante Barcos comemora gol imitando o Pirata . Foto: Gazeta PressAtacante Barcos participa de treino do Palmeiras. Foto: Rafael Neddermeyer/Agência O DiaBarcos comemora gol beijando camisa do Palmeiras. Foto: Cesar Greco / Fotoarena / O Dia

Palmeiras e Grêmio confirmaram nesta sexta-feira a troca do atacante Hernán Barcos por cinco jogadores gremistas. O clube gaúcho oficializou a proposta no início da tarde e o próprio atacante argentino pediu para ser negociado. Agora o Palmeiras terá de negociar com os atacantes Marcelo Moreno e Leandro, o meia Rondinelly, o volante Léo Gago e o zagueiro Vilson reforçarão o Palmeiras. O Grêmio pagará R$ 7 milhões ao Palmeiras incluindo dívida do Palmeiras com a LDU, ex-clube de Barcos. O novo contrato entre Barcos e Grêmio terá validade de cinco anos. 

Gazeta Press
Ronny e Kleber, novos reforços do Palmeiras. O segundo substitui Barcos

Leia também: Grêmio faz proposta por Barcos e Palmeiras libera seu atacante

Entre os reforços do Palmeiras, apenas o atacante Leandro chegaria por empréstimo até o fim do ano. Os outros quatro foram negociados em definitivo. O Palmeiras mantém 15% dos 70% dos direitos econômicos de Barcos em caso de uma futura negociação entre o Grêmio e outro clube.

Após uma conversa com Alejandro Sabella, técnico da seleção argentina, Barcos ouviu que seria ignorado das convocações se jogasse por um clube de segunda divisão no Brasil.

Com esta informação, Barcos procurou o diretor executivo José Carlos Brunoro e o presidente Paulo Nobre e fez um acordo. Assim que um clube de primeira divisão fizesse uma oferta, ela seria revelada e aceita pelo Palmeiras. Nesta sexta-feira, Brunoro esteve na Academia de Futebol, durante as apresentações de Ronny e Kléber e anunciou o negócio de Barcos com o Grêmio.

*com Gazeta

Leia tudo sobre: BarcosGrêmioPalmeirasmercado da bolamarcelo morenoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas