Tamanho do texto

Meia foi indiciado por lesão corporal e ameaça contra a sua ex-mulher, Ana Paula Alves Dantas

Marcelinho Paraíba pode pegar até 4 anos de prisão
Divulgação
Marcelinho Paraíba pode pegar até 4 anos de prisão

O meia Marcelinho Paraíba, que está atualmente sem clube, pode ser preso por até quatro anos. O promotor Sócrates da Costa Agra aceitou a denúncia da Polícia Civil que enquadra o jogador na Lei Maria da Penha, por lesão corporal mínima e ameaça contra Ana Paula Alves Dantas, sua ex-mulher.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

No 13 de dezembro de 2012, Ana Paula foi a um sítio do atleta, em Campina Grande (PB), para cobrar atrasos em pensões alimentícias. Paraíba, com a suposta agressão foi preso e prestou depoimento, mas foi liberado após pagamento de fiança de R$ 12,4 mil.

Um mês antes, Marcelinho Paraíba já havia se envolvido com a polícia, depois de ser acusado de estupro. O crime teria ocorrido em uma festa do Sport, que havia acabado de conquistar o acesso à Série A do Brasileirão. A mulher afirmou que foi forçada a beijá-lo, mas o caso acabou sendo arquivado.

Advogado do armador, Afonso Vilar afirmou que a defesa ainda não tem detalhes do processo, mas que ela deve ser apresentada em aproximadamente dez dias.

Veja fotos de atletas que tiveram problemas com a Justiça: