Dirigente nega retratação e explica que imagens tinham como objetivo mostrar bastidores do clube

O Dia

O Botafogo se pronunciou nesta terça-feira sobre o polêmico vídeo divulgado no site oficial do clube e que irritou o Fluminense . Nas imagens, o técnico Oswaldo de Oliveira aparece incitando o comportamento violento dos jogadores durante o clássico do último dia 27 de janeiro. A diretoria colocou panos quentes na situação.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Em nenhum momento tivemos a intenção de provocar ou ofender alguma pessoa. Já conversamos com o Fluminense e, de nossa parte, entendemos que houve uma supervalorização na divulgação desse vídeo", afirmou o gerente técnico do Botafogo, Sidinei Loureiro, explicando que o conteúdo faz parte de um programa que tem como objetivo mostrar os bastidores do dia a dia da equipe.

Veja o vídeo:

O dirigente, no entanto, negou que sua declaração seja uma forma do clube se retratar. "Não é uma retratação, de forma alguma. O Fluminense apenas gostaria de entender a intenção com o vídeo", disse. "Achamos um exagero os comentários. Quem conhece o futebol sabe como funciona. Estamos tranquilos", completou Sidinei.

O zagueiro Bolívar concorda que houve uma exaltação em torno das imagens, e garante que a intenção treinador não era incitar a violência. "Cada um tem uma maneira de motivar, antes ou depois da partida. Mas quando se entra em campo o respeito é mútuo", defendeu o atleta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.