Rivais nas semifinais da Copinha de 2010 se reencontram, agora com Narciso, então técnico do Santos, no Palmeiras. Santos não leva o torneio desde 1984. Palmeiras nunca venceu

Em 2010,  sob o comando de Narciso, o Santos venceu o Palmeiras nas semifinais da Copinha
Divulgação
Em 2010, sob o comando de Narciso, o Santos venceu o Palmeiras nas semifinais da Copinha

O representante paulista na final da Copa São Paulo de 2013 será conhecido nesta terça-feira, a partir das 21h, em Barueri. Como na edição de 2010, Santos e Palmeiras fazem uma das semifinais e tentam se livrar de tabus na competição. O Palmeiras nunca foi campeão do torneio e o Santos levou apenas uma vez, há 29 anos, em 1984.

Quem será finalista da Copinha? Santos ou Palmeiras? Deixe sua opinião!

Há três anos, o Santos eliminou o Palmeiras, mas perdeu a final para o São Paulo de Lucas & cia. Na ocasião o técnico santista era Narciso, que hoje comanda o Palmeiras. O treinador é o atual campeão do torneio. Ele comandava o Corinthians em 2012.

. Com uma primeira fase bem parecida, os dois times não tiveram vida fácil no mata-mata e prometem um duelo equilibrado por uma vaga na decisão.

Para chegar às semifinais, o Santos sofreu nas últimas duas fases. A equipe da Vila Belmiro eliminou o Grêmio Osasco e o Audax na disputa por pênaltis, após dois empates por um a um. Depois de garantir a classificação da equipe, o goleiro Gabriel Gasparotto ganhou destaque, e ao lado de Stéfano Yuri e Léo Cittadini, aparece como uma das estrelas da equipe.

Léo Cittadini é um dos destaques do Santos
Gazeta Press
Léo Cittadini é um dos destaques do Santos

Com os desfalques de Lucas Otávio e Giva, que receberam o segundo cartão amarelo, e Alison, que foi expulso, Claudinei Oliveira sabe da dificuldade da partida. "O Palmeiras tem uma equipe muito qualificada e nós também temos alguns desfalques. Mas não é hora de lamentar. Temos que entrar para fazer nosso melhor. Vamos em busca da vaga na final. Temos que colocar o coração na ponta da chuteira e entrar lá para decidir", afirmou o treinador.

O Palmeiras, por sua vez, não precisou passar pelos pênaltis, mas também não teve facilidade. Apenas nas quartas de final, contra o Cruzeiro, o Alviverde venceu por mais de um gol de diferença na fase do mata-mata. Para a partida contra o Santos, o Verdão conta com a volta de quatro reforços, e o treinador Narciso dos Santos sabe da importância de ter força máxima para a decisão.

"O lateral Bruno Oliveira, o zagueiro Luiz Gustavo e o meia Diego Souza cumpriram suspensão e estão de volta. Além disso, o volante Rato está se recuperando bem de contusão e também deve ser escalado. São jogadores importantes e é muito bom poder contar com eles neste momento decisivo da competição", ressaltou o treinador.

Bruno Dybal (centro) é referência do Palmeiras
Gazeta Press
Bruno Dybal (centro) é referência do Palmeiras

Nas semifinais da Copinha em 2010, a classificação santista veio nos pênaltis, depois de empate por 3 a 3 no tempo regulamentar. "Tenho um carinho especial pelo Santos e minha família continua morando na cidade. Mas sou um profissional do futebol e agora meu único pensamento é o de levar o Palmeiras à decisão e também ao título inédito da competição", explicou Narciso, que chega pela terceira vez a uma semifinal nos últimos quatro anos.

A outra semifinal da Copinha será entre Goiás e Bahia, às 16 horas, no Estádio do Nacional Atlético Clube, Nicolau Alayon, em São Paulo. A decisão da competição, como já é tradicional, será disputada no dia 25 de janeiro, aniversário da capital paulista, no Estádio Paulo Machado de Carvalho, o Pacaembú.

FICHA TÉCNICA - PALMEIRAS x SANTOS
Local: Arena Barueri, em Barueri (SP) 
Data: 22 de janeiro de 2013, terça-feira 
Horário: 21 horas (Brasília)

PALMEIRAS: Walter; Bruno Oliveira, Luiz Gustavo, Fernando e Vitor Hugo; Chico, Edílson, Bruno Dybal, Diego Souza; Chico e Vinícius.
Técnico: Narciso dos Santos

SANTOS: Gabriel Gasparotto; Douglas, Walace, Jubal e Canavarros; Leandrinho, Pedro Castro,  Leo Cittadini e Diego Cardoso; Stéfano Yuri e Neílton.
Técnico: Claudinei Oliveira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.