Julio Cesar volta ao banco do Corinthians, mas ganha apoio do treinador

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Tite enfatizou que a mudança no gol nada tem a ver com o lance que resultou no gol de empate do Paulista, pela primeira rodada do Estadual

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Pato cumprimenta o goleiro Julio Cesar no CT do Corinthians

Prática desde a última temporada, o rodízio entre Julio Cesar e Danilo Fernandes na ausência do titular Cássio terá sequência na partida do Corinthians contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira. Tite enfatizou que a mudança no gol nada tem a ver com o lance que resultou no gol de empate do Paulista, pela primeira rodada do Estadual.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Quem apontou falha do Julio não conhece nada de futebol. Não teve problema nenhum. Foi mérito da infiltração do adversário. As pessoas que colocam nisso não entendem nada de futebol", comentou o treinador do Corinthians.

O lance fez Julio Cesar receber ameaças no Twitter e fechar a sua conta no microblog. O camisa 1 é alvo constante das críticas de parte da torcida, não satisfeita com o fato de Cássio ter assumido sem volta a posição de titular após as falhas do hoje reserva no Estadual do ano passado.

Leia mais: Cheio de problemas na defesa, Tite sorri ao falar sobre Dedé

"A gente tem que ter cuidado. Quando você fala torcida, parece que está falando de toda a torcida. São algumas pessoas", afirmou Tite, grato ao perseguido jogador por ter mantido seu emprego após a derrota para o Tolima e pelo bom trabalho na conquista do Brasileiro de 2011.

Leia tudo sobre: Julio CesarTiteDanilo FernandesCorinthians

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas