Ao chegar no novo clube, lateral direito diz que vai ficar alegre se o Grêmio for eliminado logo na primeira fase da Libertadores

Gabriel é apresentado no Internacional
Gazeta Press
Gabriel é apresentado no Internacional

Sair de um clube para defender o rival já é algo polêmico, mas Gabriel vai além. Nesta segunda-feira, em sua apresentação como lateral direito do Internacional , o jogador de 31 anos aproveitou para provocar seu antigo clube, o Grêmio , por onde jogou durante dois anos e meio.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Vesti a camisa do Grêmio por dois anos. Como profissional que sou, entrei no espírito", disse o ala, ao ser perguntado sobre o fato de ter comemorado um gol em 2011 imitando o goleiro Kidiaba, do Mazembe, em provocação ao Internacional. "Agora, vestindo essa camisa vermelha, vou até ficar alegre se o Grêmio for eliminado da Libertadores", completou o lateral, alfinetando o ex-clube, que jogará contra a LDU nesta quarta-feira, em sua estreia no torneio continental.

Gabriel não atua desde 8 de julho do ano passado, quando defendeu o Grêmio em uma derrota para o Santos, pelo Campeonato Brasileiro. No entanto, o ala não crê que precisará de muito tempo para estrear pelo Inter. "Eu vinha treinando. Acredito que não vai demorar muito a minha estreia", disse, otimista.

Além de Gabriel, o Inter apresentou outro lateral direito nesta segunda: Hélder, que veio do Nancy, da França. Curiosamente, o técnico Dunga provavelmente terá que improvisar alguém na lateral direita na partida de domingo, contra o Caxias. Isto porque tanto Gabriel como Hélder não devem ter condições físicas de estrear, e Jackson se lesionou. Elton é o mais cotado para assumir a vaga.

Relembre outros jogadores que trocaram um rival pelo outro

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.