A expectativa era pela atuação do filho do Baixinho, mas quem roubou a cena foi o também jovem atacante Luquinhas, autor dos dois gols do Brasília

Romarinho estreou no Brasiliense
Gazeta Press
Romarinho estreou no Brasiliense

A estreia do filho de Romário como profissional foi frustrante. Sob os olhos do pai, que acompanhou o jogo das cadeiras do estádio Serejão, Romarinho entrou após o intervalo, mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 0 do Brasiliense para o Brasília na estreia do campeonato candango.

A expectativa era pela atuação do filho do Baixinho, mas quem roubou a cena foi o também jovem atacante Luquinhas, autor dos dois gols do Brasília. O primeiro foi marcado aos 31 minutos do primeiro tempo, de cabeça, quando Romarinho ainda estava no banco. O segundo saiu aos 34 minutos.

Romário levou a filha para acompanhar Romarinho no Brasiliense
Gazeta Press
Romário levou a filha para acompanhar Romarinho no Brasiliense

O técnico do Brasiliense fez a alegria do deputado federal Romário colocando seu herdeiro em campo no segundo tempo. O atacante, que fará 20 anos em julho e saiu do Vasco sob fortes críticas de seu pai ao presidente Roberto Dinamite, buscou o jogo e esteve perto de marcar um gol em jogada individual no final.

Sem gol de Romarinho, o Brasiliense ainda acabou se conformando por não ter sofrido uma derrota maior, já que o goleiro Guto defendeu pênalti cobrado por Ítalo. O Jacaré volta a entrar em campo no dia 27, diante do Brazlândia, em Chapadinha.

Também pelo Campeonato Brasiliense neste sábado, o Gama goleou o Botafogo-DF por 4 a 1 com gols de Gilmar Uerê e Luiz Carlos (dois gols cada), com Valdo descontando para os alvinegros. Já Capital jogou fora de casa e derrotou Sobradinho de virada, por 3 a 2.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.