Conformado com ausência na seleção, Tevez vê concorrentes em nível superior

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Últimas listas de convocação foram lideradas por Messi e tiveram Agüero, Dí Maria, Higuaín e Lavezzi como concorrentes a uma posição no ataque

Getty Images
Tevez, atacante do Manchester City

O atacante Carlitos Tevez parece estar conformado com a sua ausência nas convocações de Alejandro Sabella para a seleção argentina. Concorrente de Lionel Messi no ataque nacional, o jogador do Manchester City admitiu que não tem mais espaço para o seu futebol na equipe. A falta de oportunidades, porém, não fez o atleta polemizar. Pelo contrário: ele se mostrou conformado com a situação.

Tevez merece ser convocado para a seleção argentina? Comente

"Atualmente, a seleção argentina tem outros atacantes melhores que eu. Uma pessoa precisa ter a grandeza de dizer que a seleção não precisa mais dela. Há jogadores que estão em um nível acima", declarou Tevez, em entrevista concedida à Espn.

Sabella vem apostando em jogadores consagrados para formar o time que disputa as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014. As últimas listas foram lideradas por Lionel Messi e tiveram Agüero, Dí Maria, Higuaín e Lavezzi como concorrentes a uma posição no setor ofensivo.

A base de atletas que atuam no futebol europeu não invalidou as apostas do técnico argentino no futebol sul-americano. Sabella optou por convocar o palmeirense Hernán Barcos nos últimos compromissos de sua equipe e até abriu caminho para o ex-corintiano Martínez brigar por posições. Este foi inclusive o motivo que levou o atacante a se transferir para o Boca Juniors, onde será titular com Carlos Bianchi.

A ida para La Bombonera também foi um dos assuntos comentados por Tevez e não chegou a ser descartada. De acordo com o jogador do City, a diretoria poderá abrir negociações por seus direitos a qualquer momento. "A possibilidade de retorno ao Boca sempre existe, ainda mais depois do retorno de Carlos Bianchi. Eu gostaria de vestir a camisa do clube que eu amo novamente", concluiu.

Leia tudo sobre: Futebol MundialArgentinaTevez

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas