Vice do Milan revela desejo de saída de Robinho, mas espera mantê-lo

Segundo Adriano Galliani, atacante já pediu para voltar ao Brasil porque gostaria de ficar mais próximo de sua família

iG São Paulo * |

Reuters
Robinho, atacante do Milan

Os rumores de uma possível volta de Robinho ao Brasil estão cada vez mais fortes. Tanto que o vice-presidente do Milan (Itália), Adriano Galliani, admitiu que a permanência do atacante não é mais uma certeza. Segundo o dirigente, Robinho já pediu para voltar ao país, tendo em vista que o jogador gostaria de ficar mais próximo de sua família.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Estamos fazendo de tudo para manter o Robinho, embora eu não tenha certeza que conseguiremos. Robinho está feliz em ficar aqui e tem um relacionamento maravilhoso com o técnico (Massimiliano Allegri) e o time, mas sua esposa e filhos querem as praias de Santos. Espero convencê-lo a ficar aqui, mas ele está pedindo para deixar o Milan e voltar para sua terra natal", disse Galliani, ao "Milan Channel".

As declarações do vice-presidente do Milan vêm em um momento no qual o Santos aumentou a sua proposta para repatriar Robinho. O clube brasileiro, cuja diretoria vem sendo cobrada pela falta de contratações, havia tido a sua oferta de 6 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões) recusada e, por isso, aumentou a sua proposta para 7,5 milhões de euros (aproximadamente R$ 20,3 milhões). Porém, os rossoneros desejam receber 10 milhões de euros (cerca de R$ 27 milhões) pela transferência.

O Flamengo deve ser o principal concorrente santista pelo atacante. Tanto que os cariocas teriam enviado um representante para Milão, visando adiantar as conversas por Robinho. Atlético-MG e Internacional-RS também estariam interessados no jogador.

Vale destacar que Adriano Galliani, que é casado com uma brasileira, chega na próxima segunda-feira ao Brasil para passar as festas de fim de ano e, possivelmente, irá negociar com os interessados em Alexandre Pato e Robinho. Se o Rei das Pedaladas ainda tem futuro incerto, Corinthians é o favorito para contratar Pato.

    Leia tudo sobre: santosmilanrobinhoadriano gallianifutebol mundialitália

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG