Chicão espera pelo Chelsea, e Paulinho crava: "Quem vier, será uma grande final"

Zagueiro acredita que os ingleses possam vencer os mexicanos, enquanto o volante prefere não escolher adversário para decisão do Mundial de Clubes da Fifa

iG São Paulo |

Depois de bater o Al Ahly por 1 a 0 na manhã desta quarta-feira , na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa, o Corinthians acompanha de camarote a definição do seu adversário na grande decisão do torneio. Nesta quinta, Chelsea e Monterrey duelam pela outra vaga na final de domingo, em Yokohama, no Japão.

E mais: Em seu Pacaembu oriental, Corinthians faz 1 a 0 e está na decisão do Mundial

De acordo com o zagueiro Chicão, a tendência é que os ingleses passem pelos mexicamos. "Hoje tivemos prova de que não existe jogo fácil, mas acredito que o Chelsea passe. Vamos procurar descansar e analisar esse jogo", avaliou o defensor em entrevista ao canal "Sportv".

O zagueiro atribuiu o segundo tempo ruim ao nervosismo da estreia corintiana no Mundial, mas Chicão acredita que o time entrará melhor na decisão, qualquer que seja o rival. "Estaremos mais soltos, até porque passou o peso de estrear. Independente de quem for, temos condições de conquistar o titulo", finalizou o camisa 3.

Veja:  Corintianos exaltam Al Ahly e atribuem pressão sofrida ao peso da estreia

Em poucas palavras, o volante Paulinho preferiu não arriscar palpite no duelo entre Chelsea e Monterrey, mas prevê uma decisão em alto nível. "Não tem escolha não. Independente de quem vier, sei que vai ser uma grande final", falou o jogador.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG