Apesar da exaustiva rotina de treinos para disputar o Paulistão, atacante acompanha o clube pelo qual foi campeão mundial em 2000

Fernando Baiano foi campeão mundial pelo Corinthians
Getty Images
Fernando Baiano foi campeão mundial pelo Corinthians

Campeão mundial pelo Corinthians em 2000, o atacante Fernando Baiano voltou ao Brasil depois de oito anos no exterior. Contratado do São Bernardo para a disputa do Paulista, o jogador trabalha há um mês para recuperar a forma física e ter condições de estrear com a sua nova equipe no torneio. A exaustiva rotina de treinamentos, porém, não o impediu de acompanhar o seu ex-clube no Japão.

O que você acha que acontecerá com o Corinthians no Mundial? Comente

Maravilhado com a forma como a torcida se despediu da equipe na última segunda-feira, no Aeroporto de Guarulhos, o atleta procurou não fazer comparações entre o momento vivido pelo Corinthians neste ano e durante o seu primeiro título mundial. Mesmo assim, o jogador admitiu que o torcedor vive um momento diferenciado com a inédita conquista da Copa Libertadores.

"O Mundial de 2000 foi muito importante, mas o Corinthians precisava da Libertadores. Aquilo foi muito bacana e um título é sempre bem-vindo. Aquele Corinthians era o melhor time do Brasil e hoje, ao meu ver, eles também têm o melhor elenco. É uma oportunidade nova e a torcida está vivendo tudo aquilo que sempre sonhou", declarou Fernando Baiano.

Atualmente com 33 anos, o atacante foi convidado para disputar um jogo beneficente na última quinta-feira, no Pacaembu, e distribuiu autógrafos em camisas de jovens corintianos. Com a experiência de quem passou quatro temporadas na Espanha e outras quatro nos Emirados Árabes Unidos, o centroavante procurou alertar para o entusiasmo que pode tomar conta de todo o time com uma vitória no primeiro jogo do Mundial.

"O Corinthians tem jogadores experientes e alguns já vestem até a camisa da seleção. Mas eu sempre digo para eles não caírem na empolgação do primeiro jogo. Muito se falava que o Inter já estava na final e eles perderam para o Mazembe, em 2010. O Corinthians precisa ir para o Japão e fazer o que sabe. Vencer bem a sua estreia e com vontade de ser campeão", pontuou o atleta.

Quanto a uma eventual final contra o Chelsea, Fernando Baiano acredita que Tite preparou o time para qualquer surpresa armada pelo técnico Rafa Benítez. "O Chelsea é o que nós vemos na televisão. Os ingleses correm muito e usam a sua força física para ganhar as jogadas. Como torcedor, eu espero que o Corinthians represente bem o Brasil e consiga o título", encerrou.

Projeto do São Bernardo empolga Fernando Baiano
Antes desacreditado com a falta de oportunidades recebidas no seu retorno ao Brasil, o atacante não escondeu a satisfação de ter assinado com o time do ABC Paulista. Confiante no planejamento da diretoria, o atleta projetou um ano vitorioso para a equipe que retornou à elite após ser campeã da Série A2 do Estadual.

"É bom poder voltar para o campeonato estadual mais competitivo do País. A minha expectativa é grande, porque o São Bernardo é um time que quer crescer. A torcida comparece a todos os jogos e eles não jogam só por jogar. É um time com um ótimo planejamento e que tem tudo para conseguir uma boa classificação no Paulista", concluiu a esperança de gols do Bernô.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.