Seleções têm calendário apertado antes da Copa das Confederações

Quatro das oito participantes terão jogos menos de uma semana antes de estrear pelo torneio disputado no Brasil

Levi Guimarães e Marcelo Laguna - iG São Paulo | - Atualizada às

AP
Tábarez reclamou que terá um jogo importante das eliminatórias antes da Copa das Confederações

Pelo menos quatro seleções participantes da Copa das Confederações já prevêm problemas de logística para a disputa do torneio. Isso porque elas estrearão na competição disputada em solo brasileiro menos de uma semana depois de jogarem em seus respectivos continentes pelas eliminatórias para a Copa de 2014. É o caso de Japão, México, Itália e Uruguai.

Qual seleção se deu pior no sorteio da Copa das Confederações? Opine

O caso mais complicado possivelmente é o do Japão, que enfrenta a Austrália no dia 4 de junho e o Iraque no dia 11. Depois disso, o time terá de fazer a longa viagem até o Brasil e estrear apenas quatro dias depois, justamente contra a seleção de Luiz Felipe Scolari , anfitriã do torneio. Essa foi a principal dificuldade observada pelo técnico japonês após o sorteio.

Veja também: Gafe em sorteio não impede  São Paulo de deixar boa imagem para a Fifa

"As outras três seleções estão melhores no ranking do que nós, mas nestes últimos tempos minha equipe cresceu muito. Jogadores têm mais experiência na Europa, o que me faz pensar que o time cresceu. O único problema será a primeira partida contra o Brasil, sendo que em 11 de junho tenho um jogo pelas eliminatórias", disse o italiano Alberto Zaccheroni.

Leia também: Belo Horizonte fica com jogos ruins na Copa das Confederações

Se o Japão tem o prazo mais apertado, o México tem o calendário mais cheio, com três jogos entre 4 e 11 de junho pelas eliminatórias da Concacaf, contra Jamaica, Panamá e Costa Rica. A estreia da equipe está marcada para o dia 16, no Rio de Janeiro, contra a Itália, que também enfrenta o problema, já que joga contra a República Tcheca no dia 8.

Por fim, o Uruguai enfrenta a Venezuela no dia 11 de junho pelas eliminatórias da Conmebol, o que gera preocupação de Oscar Tabárez. "Temos que planejar bem as coisas. Em onze de junho jogaremos contra a Venezuela e em seguida teremos que estar aqui no Brasil, quatro dias antes da estreia,. Tudo isso é um pouco estranho".

Brasil, Espanha e Taiti não terão esses problemas de calendário. E a seleção africana representante do continente na competição ainda não foi definida.


    Leia tudo sobre: japãoméxicoitáliauruguaiFifaCopa das Confederações 2013

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG