Treinador avalia que clássico contra o São Paulo pode representar um empurrão extra antes da viagem ao Japão

Tite foi ousado na entrevista coletiva que concedeu logo após a derrota do Corinthians para o São Paulo neste domingo no Pacaembu, a última partida antes da viagem da delegação alvinegra para o Japão. O treinador avaliou que o resultado pode ser visto como um incentivo antes da estreia no Mundial, dia 12.

Torcedor do Corinthians comparece ao Pacaembu apesar do mando de campo são-paulino no clássico
Gazeta Press
Torcedor do Corinthians comparece ao Pacaembu apesar do mando de campo são-paulino no clássico

Tite foi bem em dizer que a derrota para o São Paulo serviu de lição? Opine!

"Nós vencemos o primeiro jogo do Mundial hoje. Eu estou falando. Guardem essa resposta que eu estou dando", disse o treinador. O Corinthians enfrenta o Al Ahly, do Egito ou o vencedor de Sanfrecce Hiroshima e Auckland City, que abrem o Mundial na quinta-feira. A delegação corintiana embarca na madrugada de segunda para terça-feira. 

"(A derrota no clássico) é uma grande lição de ter aprendido. Humildade de saber que podemos ser melhores", disse o treinador. "O clássico é um campeonato à parte e tem que saber absorver essa situação", completou.

O treinador lembrou da derrota para a Ponte Preta nas quartas de final do Campeonato Paulista e que antecedeu o início do mata-mata da Libertadores. Aquele resultado serviu de alerta e o time do Parque São Jorge partiu para o título continental. 

O Corinthians encerrou o Brasileirão na sexta colocação com 57 pontos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.