No Morumbi, o o time brasileiro joga por um empate sem gols contra a Universidad Católica para chegar à decisão do torneio continental

O São Paulo, sem dúvida, é um dos clubes mais vitoriosos da história do futebol. No entanto, a equipe do Morumbi não disputa uma final de campeonato desde 2006, quando perdeu o título da Libertadores para o Internacional. Após seis anos de espera, os comandados de Ney Franco podem garantir uma vaga na final da Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, o time brasileiro enfrenta a Universidad Católica, às 21h50 (horário de Brasília), no estádio do Morumbi.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Após empatar por 1 a 1 na partida de ida, disputada no Chile, na última quinta-feira, o São Paulo joga por um empate sem gols para chegar à decisão. Apesar da vantagem, Ney Franco garantiu que seu time não vai adotar uma postura defensiva atuando no Morumbi.

Ney Franco vai deixar Ganso no banco de reservas
Vipcomm
Ney Franco vai deixar Ganso no banco de reservas

“É uma vantagem mínima, a classificação ainda está em aberto. Tivemos capacidade para fazer o gol fora de casa e esperamos ter a mesma competência em casa", comentou o treinador.

Leia mais:  Raí visita concentração e vê São Paulo "pronto" para ser campeão

Sem nenhum desfalque entre os jogadores inscritos na competição, Ney Franco não vai promover surpresas na escalação. Titular contra a Ponte Preta, pelo Campeonato Brasileiro, o meia Paulo Henrique Ganso volta ao banco de reservas e deve entrar em campo no segundo tempo.

Com cerca de 53 mil ingressos vendidos de forma antecipada, o estádio do Morumbi vai estar lotado no jogo desta quarta-feira. Segundo o meia-atacante Jadson, o apoio da torcida será fundamental para o São Paulo conquistar uma vaga na decisão da Copa Sul-Americana.

Veja também:  São Paulo conta com bom rendimento da defesa para ir à final

“Será um jogo estudado. Devemos ser pacientes para encaixar o nosso futebol e chegar ao gol. A torcida também deve ter paciência. A gente precisará do apoio deles para conseguir o resultado”, explicou.

No lado chileno, o técnico Martín Lasarte destacou a importância de seus jogadores não cometerem erros defensivos durante os primeiros minutos da partida. O treinador uruguaio acredita que o São Paulo vai começar o jogo indo com tudo para o ataque.

E mais:  Toloi cita frustração de 2010 para valorizar título da Sul-Americana

“Eles vão tratar de matar o jogo em dez minutos e solucionar o assunto. Temos de ter a dureza mental de não ceder. Precisamos ser capazes de superar a primeira meia hora. No jogo de ida, poderíamos ter sido goleados e terminamos com a capacidade de poder ter ganhado", explicou.

Confira as fotos do primeiro jogo da semifinal da Copa Sul-Americana:

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X UNIVERSIDAD CATÓLICA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 28 de novembro de 2012, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Juan Soto (VEN)
Assistentes: Jorge Urrego (VEN) e Carlos Lopez (VEN)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson e Jadson; Lucas, Osvaldo e Luis Fabiano
Técnico: Ney Franco

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Toselli; Álvarez, Andía, Martínez e Parot; Silva, Costa, Ríos e Cordero; Pizarro e Castillo
Técnico: Martín Lasarte

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.