Com futuro incerto, Rivaldo se despede do futebol angolano

Além dos problemas com o técnico da equipe, Rivaldo também tem colocado o futuro de sua carreira em xeque pelas recentes lesões sofridas

Gazeta |

Reprodução
Rivaldo joga bola com crianças em Angola

Depois de chegar a Angola com a missão de divulgar o futebol do país no mundo, o pentacampeão Rivaldo revelou que não atuará mais com a camisa do Kabuscorp. O anúncio foi feito no perfil oficial do meia de 40 anos no Twitter.

"Dia de despedida aqui em Angola, mas será só no futebol, pois, com certeza, Angola é minha casa para sempre. Sentirei saudades. Mas logo estarei de volta", dizia a publicação. Além dos problemas com o técnico da equipe, Rivaldo também tem colocado o futuro de sua carreira em xeque pelas recentes lesões sofridas.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

No mês de outubro, o ex-camisa 10 da seleção brasileira já havia avisado que não entraria mais em campo em 2012, mas deixou em aberto os planos para o próximo ano. "Com essa contusão, praticamente terminou o campeonato para mim aqui em Angola. Tenho que pensar se paro de jogar ou ainda jogo mais um ano", afirmou o meio campista, também pelo Twitter.

Nas últimas semanas, dirigentes do modesto Toledo, equipe do interior do Paraná, passaram a ventilar o nome de Rivaldo, que está licenciado do cargo de presidente do Mogi Mirim, para rechear o campeonato estadual de estrelas, principalmente após a chegada de Alex ao Coritiba.

Criado nas categorias do Santa Cruz, Rivaldo se destacou pelo próprio por Mogi Mirim até passar por Corinthians, Palmeiras e Deportivo La Coruña-ESP. Com a camisa do Barcelona, o meia viveu seu melhor momento e foi eleito o melhor jogador do mundo em 1999. Depois de vencer a Copa do Mundo de 2002 com a Seleção, se transferiu para o Milan e se tornou um peregrino do futebol com passagens por Cruzeiro, Olympiacos e AEK, ambos da Grécia, Bunyodkor-UZB e São Paulo.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: angolarivaldo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG