Neymar faz golaço, perde pênalti e Brasil só empata com a Colômbia no jogo 1000

Mano improvisou na lateral-esquerda e pagou o preço. Neymar tentou, mas falhou quando poderia dar a vitória à seleção

iG São Paulo | - Atualizada às

O Brasil falhou no primeiro dos testes que que planeja fazer contra times que estão no top 10 do ranking da Fifa. Contra a oitava colocada Colômbia, em Nova Jersey, nos Estados Unidos, no jogo mil de sua história, a seleção brasileira não foi além de um empate por 1 a 1 e se despediu de 2012 deixando a impressão que ainda falta muito para que Mano Menezes de fato tenha um time pronto para a Copa das Confederações em junho do ano que vem.

O Brasil teve boas chances, mas falhou de novo. A seleção ainda inspira confiança? Opine!

Neymar fez o gol do Brasil numa linda jogada aos 18 minutos do segundo tempo, mas ficará marcado pelo pênalti que cobrou e que poderia ter dado a vitória à seleção aos 35. Como um legítimo kicker, jogador responsável pelos chutes nos times de futebol americano, o atacante do Santos bateu muito acima do gol, como se quisesse anotar um “field goal” no estádio que abriga jogos dos Giants e Jets, os dois times de Nova Iorque na NFL.

Brasil volta a jogar no dia 21 contra a Argentina no "Superclássico das Américas"

O Brasil teve as melhores chances do jogo, mas uma escolha técnica comprometeu a equipe. Sem o titular Marcelo nem Adriano para escalar na lateral-esquerdo, Mano Menezes preferiu improvisar o zagueiro Leandro Castán na função mesmo tendo Fábio Santos como opção. Foi por ali, nas costas de Castán, que saiu o gol colombiano em jogada definida com precisão por Cuadrado, que não deu chances a Diego Alves já no final do primeiro tempo.

Número de jogos da seleção ainda gera controvérsias. CBF não explica critérios

A seleção volta a jogar na semana que vem, contra a Argentina, em Buenos Aires, quando apenas jogadores que atuam no país estarão em campo. O primeiro compromisso em 2013 será no dia 6 de fevereiro, contra a Inglaterra, em Wembley. 

O jogo
Com filosofias parecidas dentro de campo, as seleções fizeram uma espécie de revezamento entre quem trocaria passes na defesa e quem marcaria a saída de bola adversária. Mais solto nos primeiros minutos, o Brasil chegou com perigo após Paulinho achar Oscar no meio da zaga e o camisa 10 rolar para chegada de Kaká. O meia do Real Madrid soltou a bomba e a bola passou rente à trave direita.

Sofrendo com as descidas do ex-palmeirense Pablo Armero, Daniel Alves resolveu devolver na mesma moeda e encontrou Neymar sozinho na marca do pênalti. O santista cabeceou forte e David Ospina fez milagre em Nova Jersey. Já sem levar muitos sustos com Falcao García, dominado por Thiago Silva, a Seleção partiu para o ataque e, em chute colocado de Kaká, acertou o travessão.

Já nos minutos finais do primeiro tempo, James Rodríguez, a outra estrela colombiana, saiu da ponta esquerda e se juntou ao veloz Juan Cuadrado para infernizar o improvisado Leandro Castán. Com estilo, o camisa 10 olhou para um lado e acertou belíssimo passe para o lateral direito invadir a área em velocidade e fuzilar Diego Alves. O gol foi o primeiro sofrido pelo goleiro pelo selecionado de Mano Menezes.

Logo na volta do intervalo, os brasileiros tentaram retomar a igualdade no placar, mas, após enfiada de Kaká, Neymar foi parado novamente por ótima defesa de Ospina. Nos contra-ataques, a Colômbia assustava com James e contou com o goleiro até os 18 minutos, quando Neymar fez fila na defesa, cortou para o meio e bateu com estilo para, finalmente, deixar tudo igual.

Sem se abalar, o time comandado pelo argentino José Pekerman respondeu na sequência em cabeçadas de Falcao e James, ambas defendidas com segurança por Diego Alves. Para retomar a vantagem, os colombianos passaram a pressionar e Mano lançou Lucas para apostar nos contra-ataques pelas pontas, mas o empate persistiu até o apito final do árbitro.

FICHA TÉCNICA -  BRASIL X COLÔMBIA

Local: MetLife Stadium, em Nova Jersey (Estados Unidos)
Data: 14 de novembro de 2012 (quarta-feira)
Horário: 22h30 (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (Estados Unidos)
Cartões amarelos: Ramires e Leandro Castán (Brasil); Yepes e Armero (Colômbia)

Gols:  Cuadrado, aos 42 minutos do 1º tempo. Neymar, aos 18 minutos do 2º tempo 

BRASIL: Diego Alves, Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Leandro Castán (Fábio Santos); Paulinho, Ramires, Oscar (Giuliano) e Kaká; Thiago Neves (Lucas) e Neymar
Técnico: Mano Menezes

COLÔMBIA: David Ospina, Juan Cuadrado, Aquivaldo Mosquera, Mario Yepes e Pablo Armero; Juan Valencia, Carlos Sánchez (Aldo Ramírez), Macnelly Torres e James Rodríguez; Jackson Martínez (Teófilo Gutiérrez) e Falcao García
Técnico: José Pekerman

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: seleção brasileiracolômbiaamistoso

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG