STJD recorre e Santos pode ser punido por incidente com Ganso

Procuradoria do STJD não ficou satisfeita com o resultado do julgamento de abril, que absolveu o clube no episódio no qual foram atiradas moedas no meia

Gazeta |

Divulgação
Ganso, ex-meia do Santos

Julgado em outubro, o Santos foi absolvido pelo episódio no qual moedas foram atiradas em direção ao meia Paulo Henrique Ganso, agora jogador do São Paulo, na derrota para o Bahia, por 3 a 1, no dia 29 de agosto, na Vila Belmiro. Mas a procuradoria do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) não ficou satisfeita com o resultado - por unanimidade de votos - em primeira instância, recorreu e o caso agora será novamente julgado, no próximo dia 22.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Os santistas foram indiciados com base no artigo 213, inciso III, do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), "por deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir o lançamento de objetos no campo". O clube praiano pode receber uma multa de até R$ 100 e perda de mandos de campo. A procuradoria sugere, no processo, a perda de até 10 mandos por conta do incidente.

Vale lembrar que, na ocasião, o antigo camisa 10 santista já estava na mira do clube do Morumbi, que havia apresentado algumas propostas oficiais para a sua contratação, todas rejeitadas pelo Santos.

Após o episódio da "chuva de moedas", que ainda contou, no mesmo dia, com uma perseguição de torcedores ao meio-campista, que foi até o CT Rei Pelé buscar o seu carro, Ganso teve frases de ordem pedindo a sua saída do Santos pichadas no muro do local.

No final de setembro, após longas negociações, Paulo Henrique Ganso acabou fechando, por R$ 23,9 milhões, sua polêmica transferência para o Morumbi.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: santosgansobrasileirão 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG