Em nota divulgada no site oficial do Hertha Berlim, Michael Preetz, que foi companheiro do brasileiro durante a carreira, lamenta a notícia

O Hertha Berlim não deixou passar em branco a notícia da morte de Alex Alves . No seu site oficial, o clube alemão emitiu nesta quarta-feira uma nota com depoimento de Michael Preetz, que tinha sido companheiro do brasileiro e hoje é diretor da equipe, lamentando o ocorrido.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

“Estou completamente chocado. Nós todos aqui no Hertha tínhamos esperança de que ele melhorasse após o tratamento pelo qual vinha passando e superasse essa situação difícil. Estamos profundamente chocados. Nossos pensamentos estão com a família dele”, disse Preetz.

Leia também: Ex-atacante Alex Alves morre no interior de São Paulo aos 37 anos

O comunicado do Hertha informa que Alex Alves foi submetido a um transplante de medula óssea e que sofria de leucemia havia quatro anos. O clube lembra ainda que contou com o ex-atacante entre 2000 e 2003 e que o gol marcado por ele do meio de campo durante a vitória por 4 a 2 sobre o Colonia em setembro de 2000 foi eleito o mais bonito daquele ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.