Com poucos ônibus, organizadas palmeirenses chegam sem tumulto

Apenas quatro veículos saíram em caravana da capital paulista e polícia comemora fato de time não ter chance de rebaixamento neste domingo

Gazeta |

Escoltados desde São Paulo pela Polícia Militar, torcedores das principais facções organizadas do Palmeiras chegaram neste domingo a Presidente Prudente sem nenhum tipo de problema, duas horas antes do início da partida contra o Fluminense, marcada para 17h (de Brasília).

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Gazeta Press
Polícia está em alerta para que confusão da semana passada não seja repetida neste domingo

Segundo o tenente coronel Francisco Batista Leopoldo Junior, ao contrário dos sete ônibus esperados, apenas quatro deixaram a capital paulista. Na chegada, eles foram orientados a permanecer dentro do veículo até serem liberados a entrar no Eduardo José Farah.

Leia mais: Palmeirenses têm sono tranquilo, mas ouvem provocações de corintianos

"Eles não podem entrar com nenhum aparato ou identificação da torcida, mas individualmente não há restrição a um ou outro. Já vi um indivíduo com uma tatuagem grande da Mancha (Alvi Verde, maior organizada do clube), e quanto a isso não podemos fazer nada", disse o responsável pelo policiamento.

Veja ainda: Por sobrevida na Série A, Palmeiras tenta evitar título antecipado do Fluminense

O ambiente de apreensão criado nos últimos dias se devia ao fato de o Palmeiras correr risco de rebaixamento à segunda divisão do Campeonato Brasileiro já neste domingo, em caso de derrota para o Fluminense. Com o tropeço da Portuguesa no sábado, essa possibilidade não existe mais.

Confira ainda: Pelotão de choque da PM é acionado para evitar invasão em Palmeiras x Fluminense

"Foi melhor para o clima. Mesmo se o Palmeiras perder, não é rebaixado", reconheceu Leopoldo Junior.

Mais: Palmeiras chega em paz a Presidente Prudente e recebe apoio de torcedores

Ainda assim, apesar da tranquilidade no entorno do estádio, permanece inalterado o efetivo de 270 agentes destacados para realizar a segurança dentro e fora do Prudentão.

A carga total é de 44.347 ingressos, sendo 10% da cota destinada ao lado visitante - além dos torcedores comuns, são esperados ao menos dois ônibus com integrantes de organizadas do Fluminense. Na última parcial divulgada, pouco mais de dez mil bilhetes haviam sido vendidos.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: palmeirasfluminensefutebolbrasileirão 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG