Segundo o lateral-direito do Barcelona, gols de Messi não "vendem" mais notícia e afirma que veículos de comunicação tentam passar uma boa imagem do português

Daniel Alves disse que Messi está sendo prejudicado na disputa pela Bola de Ouro
Getty Images
Daniel Alves disse que Messi está sendo prejudicado na disputa pela Bola de Ouro

No próximo dia 7 de janeiro, em Zurique (Suíça), a Bola de Ouro elegerá o melhor jogador de 2012 e a disputa deverá ficar entre Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. Neste sábado, Daniel Alves acusou alguns órgãos da imprensa de tentaram vender uma boa imagem do português, favorecendo-o na premiação.

Quem merece ser eleito o melhor jogador do mundo? Deixe o seu comentário

"O Leo (Messi) marca gols, joga bem e é um fenômeno, mas isto já não vende mais. Agora, a notícia que vende é outra. É uma guerra perdida. Falavam que o Cristiano se comportava mal, e agora querem mudar isto. Que a Fifa dê a Bola de Ouro para quem ela quiser, mas já está vendido", disse o lateral esquerdo.

Leia mais: Dunga diz que Felipe Melo seria um jogador perfeito ao lado de Pirlo

Daniel Alves também defendeu um outros sistema para a Bola de Ouro. De acordo com o jogador do Barcelona, a Fifa deveria dividir o prêmio por posições, para que jogadores "extraordinários" como o volante Xavi e o meia Iniesta também sejam premiados. "É triste que jogadores como estes não tenham a Bola de Ouro", lamentou.

Veja ainda: Segundo jornal, Barça planeja vender dois jogadores para comprar Neymar

Sofrendo com lesões neste início de temporada europeia, Daniel Alves reconheceu o seu mau momento no time catalão. "Quando eu me recuperar fisicamente, recuperaremos o equilíbrio e atacaremos pelos dois lados do campo", assegurou o lateral brasileiro, referindo-se ao seu colega Jordi Alba, que concentra o maior número de ataques culés, pela esquerda.

Confira ainda: Dani Alves diz que Neymar não teria problemas de adaptação no Barça

Por último, Daniel Alves voltou a destacar o desejo de ver Neymar no Camp Nou em breve. "Que ele venha, porque ele melhoraria a equipe e o seu próprio futebol. Ele é um menino que não traria problemas de adaptação, porque tem humildade e aceitaria ajuda", finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.