Apesar de dominante no segundo tempo, time da capital é derrotado por 2 a 0 e perde a invencibilidade

Soldado comemora gol do Valencia
AP
Soldado comemora gol do Valencia

O Valencia, terceira força da Espanha nos últimos campeonatos, mostrou que a má fase na temporada atual não tirou sua força. Atuando em casa neste sábado, a equipe derrotou por 2 a 0 o Atlético de Madri, que se firmou como outra grande força espanhola e vinha dividindo a liderança com o Barcelona.

O que achou da vitória do Valencia sobre o Atlético de Madri? Comente

A vitória foi garantida aos 20 minutos, com Soldado girando na área para bater de voleio um cruzamento de Rami e marcar um golaço. Apesar do lance e do mando de campo do Valencia, porém, quem dominou a partida foi o Atlético.

A equipe da capital foi superior principalmente no segundo tempo, com Falcao García, Juanfran e Arda Turan perdendo boas oportunidades. O turco, inclusive, acertou a lateral da rede aos 28 minutos. Ricardo Costa ainda foi expulso aos 45 minutos, mas, mesmo com dez jogadores, quem marcou o segundo gol da partida foi o próprio Valencia, com o paraguaio Haedo Valdez finalizando após passe de Feghouli aos 50.

Grande destaque do Atlético de Madri no nacional, o colombiano Falcao García teve chances de marcar, mas não conseguiu deixar seu gol e assustou a torcida ao ser atingido por Soldado na área ainda no primeiro tempo e deixar o campo com a testa sangrando, mas o jogador se recuperou para o restante da partida.

Assim, a décima rodada do Campeonato Espanhol foi a primeira sem nenhum gol dos três principais artilheiros. Messi, com 13 gols, lidera a artilharia, com Cristiano Ronaldo vindo atrás com 11 e ocamisa 9 colchonero aparecendo em terceiro com dez.

Com a vitória, o Valencia chega aos 14 pontos e sobe para a oitava posição, enquanto o Atlético de Madri para nos 25 pontos e vê o Barcelona, com 28, se isolar na liderança do Campeonato Espanhol, além de perder sua invencibilidade na temporada.

Veja mais fotos dos jogos deste sábado do futebol pela Europa


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.